1 evento ao vivo

Ex-Corinthians detona Messi: "Sua vez de ficar caladinho"

Johnny Herrera, goleiro que defendeu o time paulista em 2006, disse que Messi tem que ficar 'caladinho' e lembrou do gol de mão de Maradona na Copa do Mundo de 1986

11 jul 2019
13h08
atualizado às 13h39
  • separator
  • 0
  • comentários

Com breve passagem pelo Corinthians em 2006 e campeão das Copas América de 2015 e 2016, o chileno Johnny Herrera detonou Lionel Messi após as críticas do argentino à arbitragem do torneio. Em entrevista ao canal CDF, o goleiro da Universidade do Chile lembrou episódios da ditadura e do gol de mão de Maradona.

Foto: Luisa Gonzalez / Reuters

"Tem que ser muito cara de pau para reclamar da arbitragem. O país dele venceu uma Copa do Mundo através da ditadura e a outra com gol de mão. Agora é sua vez de perder e ficar caladinho", disse o goleiro, que complementou falando sobre a reta final das Eliminatórias, onde Messi foi absolvido de uma suspensão.

"A Argentina estava disputando vaga para o Mundial (da Rússia) e suspenderam ele por quatro partidas por insultar um árbitro. Estávamos todos lá. Retiraram a suspensão e ele acabou jogando bem contra o Equador. E vem falar agora", emendou Herrera.

Após a eliminação para a Seleção Brasileira, nas semifinais por 2 a 0, Messi foi aos microfones e alegou que a Copa América estava "armada" para o Brasil ser campeão. O jogador ficou indignado com supostos erros de arbitragem na partida ocorrida no Mineirão.

Lance!
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade