PUBLICIDADE

Com dois a menos, Cruzeiro perde para o Confiança na Série B

A Raposa lutou muito, mesmo em desvantagem numérica, mas não conseguiu evitar o revés na primeira rodada da competição nacional

29 mai 2021 18h30
| atualizado às 18h42
ver comentários
Publicidade

O Cruzeiro começou mal a Série B 2021. A Raposa foi derrotada pelo Confiança-SE, por 3 a 1, gols de Daniel Penha, Neto Berola e Cristiano, com Guilherme Bissoli descontando para os mineiros, neste sábado, 29 de maio, no Estádio Batistão, em Aracaju.

O resultado teve forte influência das expulsões do time celeste. Fábio e Adriano levaram dois cartões amarelos e foram excluídos do jogo, deixando o Cruzeiro vulnerável na defesa e tendo de lutar muito no ataque para equilibrar o placar.

Enquanto havia 11 contra 11, a Raposa teve domínio do jogo, reclamou de forma correta uma penalidade não marcada, antes de sofrer o primeiro gol e, apesar do revés, não se omitiu da partida, tentando buscar o empate. Mas, com dois atletas a menos, a tarefa se tornou inviável, com os sergipanos levando os três pontos na rodada inicial da segunda divisão nacional.

A Raposa teve dois homens expulsos na partida de estreia na Série B, ficando muito vulnerável na partida-(Foto: Reprodução/ adc_confianca)
A Raposa teve dois homens expulsos na partida de estreia na Série B, ficando muito vulnerável na partida-(Foto: Reprodução/ adc_confianca)
Foto: Lance!

Começo de jogo bom, mas em 10 minutos tudo desmoronou

O Cruzeiro tinha mais time, melhor organização em campo, mas pecou em lances importantes. Fábio levou um cartão amarelo pelo pênalti cometido em Neto Berola e poucos minutos depois foi expulso por ter tocado a bola com a mão fora da área. Um vacilo do goleiro.

Pouco tempo depois, o volante Adriano também foi expulso, após cometer em pequeno espaço de tempo duas faltas que foram punidas com amarelo. Tudo isso aconteceu em menos de 10 minutos, reduzindo muito as chances de reação no jogo.

Berola abre o placar no Batistão

O atacante do Confiança penetrou na defesa azul e Fábio fez a falta, corretamente marcada pela arbitragem. O próprio Berola converteu e abriu caminho para a vitória.

Com dois a menos, a Raposa tenta reagir e quase consegue

Apesar de ter menos dois em campo, o Cruzeiro era mais time, com mais qualidade e conseguiu empatar com Guilherme Bissoli, em boa estreia na Raposa. Todavia, o esforço não foi suficiente.

Confiança mata o jogo com Cristiano e Daniel Penha

Aproveitando a superioridade numérica, o Confiança começou a jogar pelos lados do campo, cansando o Cruzeiro, que ficou exposto na defesa e acabou sofrendo dois gols, com Cristiano e Daniel Penha, selando o destino do jogo, dando a vitória ao time de Aracaju.

Cruzeiro lutou e mesmo com a derrota, não se entregou

Se há algo de positivo no Cruzeiro, foi a entrega em campo, mesmo com jogadores a menos. Os vacilos do time azul determinaram a derrota, pois time por time, a Raposa se mostrou melhor em campo. Mas, não poderá errar dessa forma nas ´próximas rodadas da competição.

Próximos jogos

O Cruzeiro volta a campo no domingo, 6 de junho, às 18h15, contra o CRB, no Mineirão. Já o Confiança encara o Goiás, na sexta-feira, 4, às 17h30, em Goiânia.

FICHA TÉCNICA DA PARTIDA

CONFIANÇA-SE 3 X 1 CRUZEIRO

Data: 29 de maio de 2021

Horário: 16h30 (de Brasília)

Local: Estádio Batistão, Aracaju(SE)

Árbitro: André Rodrigo Rocha (TO)

Assistentes: Cipriano da Silva Sousa (TO) e Samuel Smith Nobrega Silva (TO)

Cartões amarelos: Barreiro (CON), Serginho (CON), Willians Santana (CON), Cristiano (CON), Fábio (CRU), Adriano (CRU),

Cartões vermelhos: Adriano (CRU), Fábio (CRU)

Gols: Neto Berola (pênalti), aos 32'- 1ºT (1-0), Guilherme Bissoli, aos 10'-2ºT(1-1), Cristiano, aos 26'-2ºT(2-1), Daniel Penha, aos 34'-2ºT(3-1)

CONFIANÇA-SE (Técnico: Rodrigo Santana)

Rafael Santos; Leandro Silva, Vitor Salinas, Nery Bareiro e João Paulo; Gilberto (Bruno Sena, aos 14'-2ºT), Serginho (Álvaro, aos 23'-2ºT), Daniel Penha, Neto Berola (Lucas Barcelos, aos 17'-2ºT), Willians Santana (Cristiano, aos 13'-2ºT), Luidy (Marcelinho, aos 13'-2ºT),

CRUZEIRO (Técnico:Felipe Conceição)

Fábio; Cáceres, Joseph (Matheus Neris, aos 34'-2ºT), Ramon e Matheus Pereira; driano, Matheus Barbosa (Flávio-intervalo) e Rômulo; Bruno José (Stênio, aos 28'-2ºT), Airton (Guilherme Bissoli, com 1'-2ºT) e Rafael Sobis (Lucas, França, aos 44'-1ºT) .

Lance!
Publicidade
Publicidade