2 eventos ao vivo
Logo do Seleção Brasileira
Foto: terra

Seleção Brasileira

Brasil vence o Uruguai com tranquilidade pelo Pré-Olímpico

Seleção Brasileira foi muito bem ao longo dos 90 minutos e venceu o clássico diante da Celeste

23 jan 2020
00h29
atualizado às 07h26
  • separator
  • 0
  • comentários

Na noite esta quarta-feira, o Brasil venceu o Uruguai por 3 a 1 e mantém o 100% no Pré-Olímpico. Os gols saíram através de Pedrinho, Matheus Cunha e Pepê. O resultado deixa a Seleção Brasileira na liderança da chave B. A Celeste é a terceira, com três.Na próxima rodada, o Brasil descansa e só volta a campo no dia 28 para encarar a Bolívia. O Uruguai mede forças com a Bolívia, no sábado.

Divulgação/Conmebol
Divulgação/Conmebol
Foto: LANCE!

O confronto

O primeiro tempo foi absolutamente brasileiro. Com intensidade e explorando a habilidade de Antony, o Brasil não deu chances ao Uruguai e rondou a área do rival até abrir o placar. No cruzamento do atacante do São Paulo, Pedrinho entrou sozinho para completar, 1 a 0.

Com intensidade na saída de bola da Celeste, a Seleção Brasileira roubava a bola no campo de ataque e conseguiu ampliar o placar em erro forçado do Uruguai. Matheus Cunha pressionou, roubou a bola e foi derrubado pelo goleiro. Na cobrança, o atacante bateu no meio e balançou a rede.

Antes de a primeira etapa acabar, o Brasil criou outras chances, mas faltou capricho para anotar o gol.

Na etapa final o Uruguai resolveu sair um pouco mais para o jogo e teve uma ótima chance de diminuir o prejuízo. Após cobrança de escanteio, Ramírez cabeceou e Ivan fez milagre. No rebote, Bueno, dentro da pequena área, conseguiu chutar para fora.

Pouco tempo depois a Celeste teve mais uma oportunidade. Em chute cruzado, Ivan salvou e no rebote Walter não conseguiu finalizar. Nino apareceu e aliviou para o Brasil.

Com o contra-ataque aberto, a Seleção Brasileira chegou ao terceiro gol. Pepê recebeu em velocidade e na saída do goleiro deu um lindo toque para sacramentar o triunfo, 3 a 0.

O Uruguai ainda descontou através de Bueno. Ivan saiu errado no escanteio e o uruguaio se antecipou, 3 a 1. A Celeste até pressionou para descontar o marcador, porém o abafa não deu resultado.

Veja também:

 

Lance!
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade