1 evento ao vivo
Logo do Jogos Pan-Americanos
Foto: terra

Jogos Pan-Americanos

Jogos Pan-Americanos

É ouro! Brasil supera Canadá e dá primeiro título a Magnano

Gaspar Nóbrega / Inovafoto
25 jul 2015
19h28
atualizado em 26/7/2015 às 00h05
  • separator
  • 0
  • comentários

A Seleção Brasileira de basquete conquistou neste sábado pela sexta vez na história a medalha de ouro no torneio masculino em Jogos Pan-Americanos. Na final no Reyerson Athletic Centre, a equipe verde-amarela derrotou o Canadá por 86 a 71. As outras conquistas ocorreram em Cali 1971, Indianápolis 1987, Winnipeg 1999, Santo Domingo 2003 e Rio de Janeiro 2007. Os cestinhas da conquista brasileira foram Rafael Hettsheimeir, Larry Taylor e Augusto Lima, todos com 13 pontos.

A vitória poderia ser até mais tranquila. Depois de começar arrasador nos dois primeiros quartos e no início do terceiro, os brasileiros perderam um pouco a concentração e permitiram que os canadenses saíssem de uma desvantagem de mais de 20 pontos para apenas seis no quarto final. No entanto, a equipe do técnico Ruben Magnano segurou a pressão dos torcedores locais para ser campeã.

A conquista da medalha de ouro tem um sabor especial para Ruben Magnano. No comando da Seleção desde 2010, esse é o primeiro título do argentino desde que foi contratado pela CBB (Confederação Brasileira de Basquete) e uma redenção especial por ter contado no grupo com cinco jogadores do seu principal fiasco, o Pré-Mundial de 2010, na Venezuela, quando perdeu todos os jogos - João Paulo Batista, Vitor Benite, Rafael Hettsheimeir, Larry Taylor eram daquele time.

“Muitos tiveram esse estigma, eu tive esse estigma, eu já sou um pouco mais calejado, mas para eles é um banho de auto-estima muito grande e estou olhando de muito perto a situação de cada um deles”, disse Ruben Magnano, antes da grande decisão, sobre os jogadores que passaram por aquele momento turbulento.

Rafael Hettsheimeir arma jogada para o Brasill
Rafael Hettsheimeir arma jogada para o Brasill
Foto: William Lucas/Inovafoto/Bradesco / Divulgação

A seleção do Canadá chegou à decisão empolgada com a invencibilidade. O time sonhava com a inédita medalha de ouro (melhor resultado anterior era quarto lugar) e se reforçou por atuar em casa, contando com três jogadores que atuam na NBA - Anthony Bennett, do Minnesota Timberwolves, Andrew Nicholson, do Orlando Magic, e Sim Bhullar, do Sacramento Kings.

No jogo, o Brasil ignorou a pressão da torcida canadense e começou de forma avassaladora. Apostando na eficiência das cestas de três pontos, a equipe abriu uma vantagem de 13 pontos ao final do primeiro quarto. O destaque foi o ala-pivô Rafael Hettsheimeir, que acertou três cestas de três.

Confusão no garrafão brasileiro
Confusão no garrafão brasileiro
Foto: William Lucas/Inovafoto/Bradesco / Divulgação

No segundo quarto, a Seleção Brasileira seguiu superior aos canadenses e novamente contando com as cestas de três – fechando o primeiro tempo com 55% em 11 tentativas. Magnano, aproveitando o ótimo momento em quadra, colocou os reservas por mais tempo e, mesmo assim, conseguiu fechar em 48 a 29.

No terceiro quarto, o Canadá perdeu Nicholson por cinco faltas e o Brasil conseguiu abrir mais de 20 pontos de diferença. A torcida acordou em uma ponte área anotada por Bennett. A partir de então, a pressão aumentou e a diferença começou a cair, especialmente em razão dos brasileiros desperdiçarem uma sequência de ataques. No final do quarto, a vantagem caiu para 13 pontos e a Seleção ainda perdeu JP Batista por cinco faltas.

No início do quarto decisivo, o Canadá seguiu a pressão, fez duas cestas de três e ainda uma de dois com direito a uma falta, caindo a vantagem para apenas seis pontos. O ginásio de Ryerson veio abaixo e a sensação era de que poderia haver uma virada incrível.

No entanto, o Brasil voltou a abrir dez pontos em seguida e ainda poderia se complicar um pouco mais ao perder Vitor Benite, que marcou nove pontos, por cinco faltas. No entanto, os brasileiros retomaram aos poucos o controle do jogo para serem campeões.

 

Ranking Geral País Ouro Prata Bronze TOTAL
1 Estados Unidos 102 78 81 261
2 Canadá 77 68 69 214
3 Brasil 41 39 60 140
4 Cuba 36 27 34 97
5 Colômbia 27 14 31 72
Veja o quadro completo aqui
Fonte: Terra
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade