0

No adeus de Falcão a Sorocaba, Corinthians vence e fica perto do título

29 nov 2018
21h27
atualizado às 21h27
  • separator
  • comentários

O primeiro jogo da grande final da Liga Paulista de Futsal foi digna de decisão de campeonato. Na noite desta quinta-feira, o Corinthians encarou o Sorocaba fora de casa, na Arena Sorocaba, e venceu a partiu pelo placar de 7 a 3, largando na frente na briga pelo título da competição.

Agora, o Sorocaba vai ao Parque São Jorge na próxima quinta-feira, às 19h (de Brasília) e vai precisar vencer no tempo normal da partida para forçar a prorrogação. No tempo extra, porém, o Corinthians tem a vantagem do empate. Esta a quarta final consecutiva que o Timão disputa, a terceira consecutiva contra o Sorocaba.

O duelo teve um gostinho ainda mais especial para um jogador em particular: Falcão. O craque anunciou sua aposentadoria e fez o penúltimo jogo de sua carreira, o último em Sorocaba. Antes do apito inicial, ele foi coroado pelos seu filhos, Enzo e Luigi, além de receber uma placa e uma versão gigante da camisa 12, agora eternizada na Arena do time. Emocionado, falou algumas palavras para a torcida.

"Chegou esse dia. Para mim é triste, de não passar mais esse frio na barriga, jogar uma final. Mas a história está escrita. Consegui jogar com muitos destes que estão aqui. Meu primeiro título profissional foi pelo Corinthians, um Campeonato Estadual, que é esse aqui. Então a história sempre direcionou minha carreira e meu último jogo oficial vai ser no Parque São Jorge, onde eu comecei em 1992, na base do Corinthians. Estou muito feliz de ter deixado um legado, uma história e de servir de exemplo para muita gente. Obrigado por tudo. Espero deixar um legado para essa molecada que está começando agora. Aproveitem, desfrutem, porque um dia acaba. Obrigado a todos".

A partida começou agitada, com ambas as equipes indo para cima em busca do primeiro gol. O jogo era equilibrado, com chances lá e cá, que obrigavam os goleiros a trabalhar. O Corinthians, porém, tinha mais posse e tentava prender a bola no ataque.

E com 11 minutos, a postura surtiu efeito. Wilde recebeu na frente e bateu na saída de Tiago, abrindo o placar para os alvinegros. Mesmo depois do primeiro gol, os visitantes seguirem pressionando, empurrando o Sorocaba para o seu campo de defesa.

No entanto, no momento em que o Corinthians era melhor no jogo, Rodrigo apareceu para mandar um chute colocado e deixar tudo igual na Arena Sorocaba, faltando cinco minutos para o fim do primeiro tempo. Com o empate, os mandantes se empolgaram e foram para cima. E quase conseguiram a virada se não fosse por duas boas defesas do goleiro Obina.

Na sequência, o roteiro se repetiu, mas se inverteu o protagonista. Quando o Sorocaba era melhor, Wilde mais uma vez acabou com a festa, depois de receber na frente com liberdade e recolocar o Corinthians à frente no placar. No lance seguinte, o time da casa cometeu a sexta falta e o Timão ganhou um tiro livre. Tiago porém saiu muito bem e salvou o Sorocaba de levar o terceiro.

Na volta do intervalo, o time da casa mudou a estratégia e passou a trabalhar mais a bola, barrando a pressão adversária. E deu certo. O empate veio dos pés de Falcão, que tocou de primeira após bom passe recebido na entrada da área.

O Sorocaba, porém, vacilou e em um momento em que atuava com o goleiro mais adiantado, viu Henrique roubar a bola e tocar para o gol vazio.

Para tentar se recuperar, os mandantes passaram a usar Falcão como goleiro-linha, mas no primeiro lance, Nenê aproveitou o gol vazio e ampliou a vantagem Corinthians. O quinto veio na sequência, mais uma vez com Henrique, que aproveitou a sobra.

O Sorocaba ainda marcou o terceiro com Rodrigo, em boa jogada de Falcão como goleiro-linha. Mas a reação foi interrompida quando a equipe sofreu dois gols em sequência, após falhas no goleiro-linha: Nenê e Henrique marcaram de novo e decretaram o triunfo alvinegro.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade