2 eventos ao vivo

Uruguai goleia o México por 4 a 1 com dois gols de Luis Suárez

8 set 2018
01h01
atualizado às 01h01
  • separator
  • comentários

Comandado interinamente pelo brasileiro Ricardo "Tuca" Ferretti, ícone do futebol local, o México foi goleado por 4 a 1 pelo Uruguai neste início de sábado. O marcador da partida foi construído por Gimenez, Suárez (duas vezes) e Pereiro, a favor dos sul-americanos, além de Jimenez, em tento anotado pela equipe verde. A partida amistosa foi disputada no NGR Stadium, em Houston, nos Estados Unidos.

Apesar do caráter amistoso, mexicanos e uruguaios protagonizaram um belo jogo, que contou com três pênaltis marcados, dois gols e uma linda assistência de Luis Suárez, além dos cinco tentos ao total no confronto.

O próximo compromisso do México será diante dos Estados Unidos, que perdeu para o Brasil nesta última sexta-feira, em solo norte-americano, às 21h30 (horário de Brasília) da terça-feira. Por outro lado, o Uruguai não irá disputar outro amistoso nesta data Fifa.

O jogo - O primeiro tempo de partida mostrou a diferença entre uma equipe consolidada e uma que está em reconstrução. Enquanto o Uruguai controlava as ações do confronto, mesmo não estando com a bola no pé, o México só oferecia perigo nas jogadas individuais de Lozano.

Aos 21 minutos, Urreta cobrou escanteio pela esquerda e Gimenez subiu mais alto do que a zaga mexicana, testando forte para o fundo das redes de Ochoa: 1 a 0.

Pouco tempo depois, o árbitro Ismail Elfaith assinalou penalidade máxima para os mexicanos, após Lozano ser derrubado por Cáceres, dentro da grande área, depois de arrancada. Na cobrança, Jimenez bateu alto, não dando chances de defesa à Muslera e deixando tudo igual.

A partir daí, a estrela do atacante Luis Suárez começou a brilhar. Aos 32 minutos, o centroavante do Barcelona bateu falta com perfeição, baixa e tirando da barreira, recolocando os comandados do interino Fabian Coito à frente do placar.

Já próximo do apito parcial, foi a vez do Uruguai ter um pênalti marcado ao seu favor. Suárez foi calçado por Angulo na área e o juiz não titubeou. Na batida, o camisa 9 chutou de cavadinha, no centro do gol: 3 a 1, somente no primeiro tempo de partida, que foi agitado.

No segundo tempo, mais ação. Aos 12, Suárez aproveitou cruzamento, dominou e lançou, de letra, para o meia Pereiro, que cabeceou com força, decretando a goleada uruguaia com um golaço. O México ainda teve a oportunidade de diminuir o placar, mas Jimenez desperdiçou o terceiro pênalti assinalado na partida.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • comentários
publicidade