0

Técnico da Suécia se diz 'incrivelmente orgulhoso' com vitória e ponta do grupo

Janne Andersson comemora liderança do Grupo e eliminação de rival Alemanha

27 jun 2018
15h30
  • separator
  • 0
  • comentários

A Suécia surpreendeu nesta quarta-feira ao atropelar o México, uma das sensações da Copa do Mundo até o momento, e avançar às oitavas de final como líder do Grupo F do torneio. Em Ecaterimburgo, a seleção europeia fez 3 a 0 no rival, em resultado que ajudou a eliminar a atual campeã Alemanha.

"Nós lidamos com tudo que apareceu pela frente. Estou incrivelmente orgulho, quase emocionado, pelo pensamento de como desempenhamos na partida. Eles (jogadores) foram muito disciplinados em tudo que fizeram", declarou o técnico Janne Andersson. "Todo mundo fez um trabalho fantástico."

Depois de um primeiro tempo difícil, mas no qual foi superior, a Suécia arrancou na etapa final com os gols de Augustinsson, Granqvist, de pênalti, e Álvarez, contra. Foi sem dúvida a melhor atuação da seleção na seleção, o que deixou seu comandante bastante satisfeito.

"Nós realmente funcionamos como um time, todo mundo. Nós queremos fazer de tudo para dar aos nossos jogadores a chance de terem sucesso no campo", comentou Andersson. "Terminar na primeira colocação do grupo? Não foram muitos que apostaram na gente para isso."

O comandante sueco também negou qualquer alegria extra com a eliminação da Alemanha, que derrotou sua seleção no jogo anterior graças a um gol marcado aos 50 minutos do segundo tempo. "Nem em um milhão de anos. Eu não trabalho desta forma. Você joga o jogo, cumprimenta depois do apito final e deseja o melhor para a próxima partida."

Estadão
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade