PUBLICIDADE

Ronaldinho tem "gol malandro" anulado, e Querétaro é vice

1 jun 2015 01h11
| atualizado às 11h13
ver comentários
Publicidade

O Querétaro chegou a flertar com o milagre, mas não conseguiu faturar o título do Torneio Clausura do Campeonatao Mexicano neste domingo, dentro de casa. Depois de perder o jogo de ida para o Santos Laguna por 5 a 0, o time de Ronaldinho fez três gols no primeiro tempo, mas não conseguiu balançar as redes no segundo: venceu "apenas" por 3 a 0 e teve que amargar o vice-campeonato.

Ronaldinho começou o jogo na reserva, entrou em campo aos 15min do segundo tempo e não fez gol. Mesmo assim, foi o grande destaque da partida. O motivo? O brasileiro usou a "malandragem" para fazer um gol curioso, mas foi frustrado porque o lance acabou anulado pela arbitragem. 

 

A partida já estava 3 a 0 para o Querétaro (após três gols nos primeiros 37 minutos), quando Ronaldinho protagonizou a jogada do confronto. O craque se posicionou dentro da área após um ataque de seu time e, no momento em que o goleiro rival ia repor a bola, roubou a bola no ar e empurrou para as redes. 

Seria o quarto gol do Querétaro no jogo, mas a arbitragem anulou o lance, por entender que a bola ainda estava sob a posse do arqueiro. De quebra, Ronaldinho ainda levou o cartão amarelo. Ficará para os livros de história.

Ronaldinho roubou a bola do goleiro no ar e fez o gol. Mas o lance foi anulado
Ronaldinho roubou a bola do goleiro no ar e fez o gol. Mas o lance foi anulado
Foto: Hector Vivas / Getty Images

O título deste domingo foi o quinto da história do Santos Laguna, que já havia faturado o Torneio Inverno de 1996, Verão de 2001, Clausura de 2008 e Clausura de 2012.

Santos Laguna evitou milagre do Querétaro e ficou com o título do Clausura
Santos Laguna evitou milagre do Querétaro e ficou com o título do Clausura
Foto: Manuel Velasquez / Getty Images
Fonte: Terra
Publicidade
Publicidade