0

Paysandu e Paraná desperdiçam chances e empatam sem gols

19 ago 2017
21h03
  • separator
  • 0
  • comentários

Em jogo movimentado no Estádio Mangueirão, em Belém, Paysandu e Paraná não conseguiram transformar em gols as chances criadas e empataram por 0 a 0 na noite deste sábado. O resultado do duelo, válido pela 21ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro não deixa nenhuma das equipes contente.

O Paraná, que poderia colar no G4 da competição, caiu para o sétimo lugar, com 31 pontos, três a menos que o Ceará, primeira equipe dentro do bloco de acesso à primeira divisão nacional. O Paysandu, por sua vez, ficou estacionado na 14ª posição, com 27 pontos, apenas quatro acima da zona de rebaixamento.

Ambos os times voltarão a campo na próxima sexta-feira. Às 20h30 (de Brasília), o Paraná receberá o Juventude no Dorival Britto. Já o Paysandu visitará o vice-líder Internacional às 21h30 no Beira-Rio.

O jogo - Após um início bastante truncado, o Paysandu chegou perigosamente aos 11 minutos, quando o goleiro do Paraná foi de vilão a herói. Após cruzamento de Lucas Taylor pela esquerda, Richard foi tentar agarrar mas soltou a bola. No rebote, Marcão arriscou de fora da área, mas o arqueiro tricolor se redimiu fazendo a defesa.

A partir de então, a partida caiu de ritmo e só foi melhorar nos minutos finais do primeiro tempo. Aos 40, o meia Rodrigo cobrou falta de longe e um desvio na barreira e rendeu o goleiro Richard, que ficou parado só olhando a bola tirar tinta da trave esquerda.

Três minutos depois, mais sufoco. Da esquerda na intermediária, o volante Nando Carandina soltou a bomba. A bola tinha endereço, mas Richard saltou para espalmar com a ponta dos dedos, mantendo o empate sem gols antes do intervalo.

Após se livrar da pressão do Paysandu no fim do primeiro tempo, o Paraná quase abriu o placar no começo da etapa final. Aos oito minutos, em jogada ensaiada, Renatinho lançou a bola na esquerda da área paraense para Maidana desviar de cabeça, exigindo grande defesa do goleiro Emerson.

A resposta do Papão veio aos 24 minutos, quando Peri bateu escanteio pela esquerda e Renato Augusto testou firme em direção ao chão. A bola, porém, quicou e saiu rente ao poste esquerdo de Richard. Só que, aos 31, o Tricolor paranaense voltou a assustar com uma pancada de Felipe Augusto de longe, que terminou em escanteio cedido por Emerson.

Apesar da pressão dos mandantes, a última chance de gol da partida foi do Paraná. Aos 39 minutos, em contra-ataque, João Pedro encontrou espaço para finalizar, mas Emerson mais uma vez realizou a defesa.

Aos 48, polêmica: após cruzamento de Rodrigo Andrade pela direita, os jogadores do Paysandu reclamaram muito de um possível pênalti, provocado por um toque de mão de Eduardo Brock na área tricolor. Os reservas do Papão chegaram a invadir o gramado para pedir satisfação ao árbitro Leonardo Cavaleiro, que não apitou a eventual infração.

FICHA TÉCNICA

PAYSANDU 0 X 0 PARANÁ

Local: Estádio Mangueirão, em Belém (PA)

Data: 19 de agosto de 2017, sábado

Horário: 19 horas (de Brasília)

Árbitro: Leonardo Garcia Cavaleiro (RJ)

Assistentes: Michael Correia (RJ) e Carlos Henrique Alves de Lima Filho (RJ)

Público: 13.234 torcedores

Renda: R$ 199.780,00

Cartão Amarelo: Nando Carandina e Lucas Taylor (Paysandu); Leandro Vilela, Gabriel Dias e Robson (Paraná)

Cartão Vermelho: -

Gol: -

PAYSANDU: Emerson; Lucas Taylor, Gualberto (Diego Ivo), Fernando Lombardi e Peri; Augusto Recife (Rodrigo Andrade), Renato Augusto, Nando Carandina e Rodrigo (Rodrigo Andrade); Magno e Marcão

Técnico: Marquinhos Santos

PARANÁ: Richard; Cristovam (Júnior), Maidana, Brock e Igor; Vilela, Gabriel Dias e Renatinho; Robson, Vinicius Kiss (João Pedro) e Rafhael Lucas (Felipe Augusto)

Técnico: Lisca

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade