PUBLICIDADE

Lindo! Canadá põe 45 mil em estádio e "abraça" Copa Feminina

16 jun 2015 08h12
| atualizado às 08h13
ver comentários
Publicidade

O futebol pode até não ser tradição no Canadá, mas é um esporte pelo qual os canadenses nutrem um grande respeito. Na Copa do Mundo Feminina de Futebol 2015 não está sendo diferente. Torcedores das mais diversas partes do país foram prestigiar as jogadoras da seleção canadense no último jogo do time na primeira fase. No total, 45 mil pessoas compareceram ao Estádio Olímpico de Montreal, nesta segunda-feira.

“Para nós, é uma verdadeira honra servir de país-sede para um evento tão importante. É um país só reunido nessa vontade de jogar futebol feminino”, conta a canadense Leanne Mclennan. Ela e a amiga, Jennifer Mace, percorreram 540 quilômetros de Toronto para chegar ao Estádio Olímpico em Montreal. “É um esporte que a gente adora. Valeu a pena ter vindo”, diz Jennifer.

Leanne Mclennan e Jennifer Mace saíram de Toronto só para ver a seleção jogar
Leanne Mclennan e Jennifer Mace saíram de Toronto só para ver a seleção jogar
Foto: Pedro Santos / Especial para Terra

O Terra acompanhou o jogo entre Canadá e Holanda realizado nesta segunda-feira, para ver como os canadenses se comportam dentro de um estádio de futebol. E se tem algo que chama a atenção desde antes mesmo de entrar no estádio é a organização. Equipes do evento estão em todo lugar oferecendo ajuda aos torcedores.

Já dentro do estádio Olímpico, empolgação não faltou. O barulho ensurdecedor começou antes do hino e não parou até o primeiro gol. A cada ataque do Canadá, a torcida ia à loucura. Mesmo simples domínios de bola no setor defensivo eram suficientes para uma salva de palmas e gritos de apoio.

45 mil pessoas encheram o Estádio Olímpico de Montreal nesta 2ª
45 mil pessoas encheram o Estádio Olímpico de Montreal nesta 2ª
Foto: Pedro Santos / Especial para Terra

Quando, aos 10min do primeiro tempo, a meia canadense Ashley Lawrence fez o primeiro gol da partida, o grito explodiu de vez. A partir daí, a torcida intensificou a cantoria. E, quando a goleira canadense Erin McLeod fez uma defesa perigosa, a torcida gritou como se comemorasse um gol.

No campo, a seleção respondia com mais ataques perigosos, em uma união harmônica entre as atletas e os torcedores, que empurravam o time aos gritos de “Let’s go, let’s go”.

Canadá ficou no 1 a 1 com a Holanda dentro de casa, mas foi às oitavas de final
Canadá ficou no 1 a 1 com a Holanda dentro de casa, mas foi às oitavas de final
Foto: Steve Bardens / Getty Images
Torcida canadense abraçou a seleção feminina nesta Copa do Mundo
Torcida canadense abraçou a seleção feminina nesta Copa do Mundo
Foto: Minas Panagiotakis / Getty Images

A qualidade dos jogos nesta Copa do Mundo de futebol feminino foi exaltada por muitos torcedores. Como explica o canadense fanático por futebol, Michel Gauthier. “Eu adoro a tenacidade e a persistência dessas jogadoras. Todos os jogos que eu vejo estão me deixando contente. Espero que o resto do Mundial 2015 continue assim", diz Michel.

Outra característica que se observou não só no jogo Canadá e Holanda, mas em todo a Copa Feminina foi a grande presença de crianças no estádio. As amigas Debbie Langill e Jackie LeComte, por exemplo, acreditam que o ambiente do espetáculo é propício para levar as filhas pequenas ao estádio. “É uma chance de prestigiar nosso país e dar força para as jogadoras. É um impulso a mais para elas jogarem bem, né?”, diz Debbie.

Debbie Langill e Jackie LeComte levaram as filhas pequenas ao estádio
Debbie Langill e Jackie LeComte levaram as filhas pequenas ao estádio
Foto: Pedro Santos / Especial para Terra

A festa canadense só caiu quando a Holanda empatou o jogo, no finalzinho do segundo tempo. Aí foi a vez da torcida holandesa, até então mais silenciosa, fazer barulho. O 1 a 1 deu a classificação para o Canadá e eliminou a Holanda. O público do jogo foi de 45 mil pagantes. No final da partida, as duas equipes deram uma volta para saudar a torcida. As jogadoras do Canadá ainda permaneceram mais de dez minutos no campo, tirando fotos e acenando para os torcedores. Foi bonito.

Relação de atletas e torcedoras canadenses é linda: teve até selfie no fim do jogo
Relação de atletas e torcedoras canadenses é linda: teve até selfie no fim do jogo
Foto: Stuart Franklin / Getty Images
Fonte: Especial para Terra
Publicidade
Publicidade