PUBLICIDADE

Maringá e Athletico-PR fazem jogo repleto de chances, mas não saem do zero pelo Campeonato Paranaense

Resultado deixa o Furacão em 3° lugar; equipe da casa dorme em 7°

26 jan 2022 23h32
ver comentários
Publicidade

Na noite desta quarta-feira (26), Maringá e Athletico-PR se enfrentaram em partida válida pela 2ª rodada do Campeonato Paranaense 2022. No Willie Davids, as duas equipes criaram boas chances, mas, quando não pararam nos goleiros, erraram na pontaria, fechando o jogo em 0 a 0.

(Foto: Divulgação/Gustavo Oliveira/Athletico)
(Foto: Divulgação/Gustavo Oliveira/Athletico)
Foto: Lance!

Agora, as duas equipes voltam a campo no próximo domingo (30). Em casa, o Athletico-PR recebe o São Joseense, às 16h. No mesmo horário, o Maringá recebe o Paraná. Ambos os jogos são válidos pela 3ª rodada do Campeonato Paranaense 2022.

CHANCES INICIAIS

O começo do jogo no Willie Davids mostrou duas equipes com a mesma proposta: atacar pelos lados. As jogadas de ambos passaram pelo setor de meio de campo, mas se tornavam mais agudas quando chegavam aos laterais ou pontas.

Pelo lado do Maringá, Matheus Bianqui foi o responsável de dar o primeiro chute, mas a bola saiu à esquerda. Enquanto isso, do outro lado, João Pedro recebeu e soltou o pé de fora de área, porém Dheimison espalmou para escanteio.

ATHLETICO PRESSIONA

Depois do começo equilibrado, o Athletico passou a assumir o protagonismo da partida. Com a posse de bola, o time abusou das jogadas com Pedrinho pelo lado esquerdo. O lateral chegou a servir João Pedro, que completou como deu para o gol, mas viu a bola pegar no travessão e sair.

Depois, em novo lance pela esquerda, a bola se ofereceu para Pablo Siles depois de cruzamento e o uruguaio bateu firme, mas só tirou tinta da trave. Pelo lado do Maringá, João Denoni arriscou e errou, enquanto que Robertinho parou em Anderson. Assim, o duelo foi em 0 a 0 para o intervalo.

DHEIMISON EVITA O PIOR

O começo da segunda etapa mostrou o Athletico com mais intensidade, enquanto que o Maringá apostou nos lances em velocidade e buscando as costas dos alas do time visitante.

As melhores chances dos primeiros 20 minutos foram do Athletico. Rômulo recebeu dentro da área, colocou na frente e soltou o pé. Dheimison se jogou na bola e conseguiu evitar o gol. Depois, o goleiro tirou com os olhos o arremate colocado de Pedrinho.

FALTOU PONTARIA

A reta final do jogo foi de muita intensidade de lado a lado. Dheimison salvou o Maringá em jogada individual de Julimar. Depois, Jonathan arriscou de longe, mas a bola passou por cima.

Do outro lado, o Maringá ganhou fôlego nos lances em velocidade depois das substituições. Ao tentar o cruzamento, Marcos Vinícius quase encobriu Anderson, que fez a defesa. Mais tarde, Mirandinha arrancou, invadiu a área, mas, cara a cara com o goleiro, mandou para fora.

FINAL ELETRIZANTE

Nos acréscimos, os goleiros foram os protagonistas. Em cobrança de falta sem ângulo, Mirandinha surpreendeu Anderson, que voou, espalmou e ainda viu a bola tocar no travessão antes de ser afastada.

Logo depois da chance do Maringá, o Athletico teve a sua oportunidade de matar o jogo. Rômulo recebeu de frente para Dheimison, mas, mesmo tirando do goleiro, o arqueiro se esticou todo e fechou o jogo em 0 a 0.

Confira os resultados da 2ª rodada do Campeonato Paranaense 2022:

Cascavel 2 x 1 União

Londrina 1 x 0 São Joseense

FICHA TÉCNICA

MARINGÁ X ATHLETICO-PR

Local: Willie Davids, em Maringá (PR)

Data e hora: 26/01/2022 - 21h30 (de Brasília)

Árbitro: Ivan Correa Laureano (PR)

Assistentes: Victor Hugo Imazu dos Santos (PR) e Alessandro Rodrigues Mori (PR)

Cartões amarelos: Matheus Bianqui (Maringá)

Cartões vermelhos: -

GOLS:

MARINGÁ (Técnico: Jorge Castilho)

Dheimison; Marcos Vinicius, Ronald, Gustavo Vilar e Carlinhos; Parrudo, Matheus Bianqui (Anderson Santos, aos 34'/2°T) e João Denoni; Robertinho (Mirandinha, aos 23'/2°T), Felipe Saraiva e Alemão (Leonardo, aos 34'/2°T).

ATHLETICO-PR (Técnico: James Freitas)

Anderson; Matheus Felipe, Luan Patrick e Lucas Fasson; Julimar, Pablo Siles (Davi, aos 34'/2°T), Juninho e Pedrinho; João Pedro (Reinaldo, aos 26'/2°T), Rômulo e Jader (Jonathan, aos 15'/2°T).

Lance!
Publicidade
Publicidade