PUBLICIDADE

Com gol no fim da prorrogação, Ucrânia vence Suécia e avança

Dovbyk marcou nos acréscimos do tempo extra para assegurar triunfo dos ucranianos, que pegarão a Inglaterra nas quartas de final da Eurocopa

29 jun 2021 18h44
| atualizado às 19h03
ver comentários
Publicidade

Nesta terça-feira, no Hampden Park, em Glasgow, na Escócia, Suécia e Ucrânia duelaram pelas oitavas de final da Eurocopa. Após empate por 1 a 1 no tempo regulamentar, com gols de Forsberg e Zinchenko, respectivamente, os ucranianos venceram por 2 a 1. graças a um gol de Dovbyk nos acréscimos da prorrogação, para avançar à próxima fase do torneio continental.

Dovbyk (sem camisa) comemora após marcar o gol que garantiu a classificação da Ucrânia
Dovbyk (sem camisa) comemora após marcar o gol que garantiu a classificação da Ucrânia
Foto: Andy Buchanan/Reuters

Agora, pelas quartas de final da competição, a Ucrânia enfrenta a Inglaterra, que bateu a Alemanha por 2 a 0, horas mais cedo, em Londres. A partida será neste sábado, às 16h (de Brasília), no estádio Olímpico de Roma

No primeiro tempo em Glasgow, a Ucrânia teve uma grande oportunidade de abrir o placar logo aos 10 minutos. Yaremchuk tabelou com Yarmolenko dentro da área e bateu cruzado para boa defesa do goleiro sueco Olsen. Aos 18, a Suécia chegou com perigo pela primeira vez. Isak recebeu pela esquerda, entrou na área e tentou o chute colocado, que foi para fora.

Aos 26 minutos, os ucranianos abriram um placar após grande jogada de Yarmolenko. O atacante recebeu do lado direito da área, inverteu, mandou de três dedos para a esquerda e Zinchenko chegou batendo para mandar a bola para o fundo das redes. Aos 29, os suecos quase chegaram ao empate em cobrança de falta de Larsson, que obrigou uma boa defesa de Bushchan.

A Suécia conseguiu igualar o placar aos 42. Forsberg bateu forte de fora da área, a bola desviou no zagueiro ucraniano e tirou o goleiro da jogada, parando dentro da meta.

Na segunda etapa, o primeiro lance de perigo foi ucraniano, aos nove minutos. Yarmolenko, na direita da área, rolou para Sydorchuk, vindo de trás, chegar batendo e a bola parou na trave. Logo depois, os suecos tiveram uma grande chance. Forsberg recebeu passe de Isak, bateu colocado e o chute também pegou no poste.

Aos 23, Forsberg recebeu na esquerda, cortou para o meio e bateu colocado, de fora da área. A bola parou na trave mais uma vez para a Suécia. A partida seguiu sem muitas chances para os dois lados, com as equipes adotando mais cautela, e a decisão por para a prorrogação.

Aos oito minutos da primeira etapa do tempo adicional, o zagueiro sueco Danielsson foi expulso após entrada dura em Besedin. O árbitro ainda reviu o lance no VAR antes de aplicar o cartão vermelho. O jogo continuou truncado, com poucos lances de perigo.

A Ucrânia, mesmo com um a mais, não conseguia criar muito perigo. Até que, já nos acréscimos da segunda etapa da prorrogação, Zinchenko cruzou na área e Dovbyk subiu para marcar de cabeça o gol da classificação dos ucranianos.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
Publicidade
Publicidade