PUBLICIDADE

Villarreal supera Atalanta e volta às oitavas da Liga dos Campeões após 12 anos

Jogo seria realizado quarta-feira, mas foi adiado devido a uma nevasca que atingiu a cidade de Bergamo

9 dez 2021 19h49
| atualizado às 19h49
ver comentários
Publicidade

O Villarreal é o último classificado às oitavas de final da Liga dos Campeões. Com um dia de atraso por causa da nevasca que atingiu Bergamo, quarta-feira, o campeão da Liga Europa ganhou por 3 a 2 na Itália e volta ao mata-mata da competição após 12 anos.

Quem vencesse o duelo se garantiria ao lado do Manchester United, campeão do Grupo F, com 11 pontos. E as equipes chegaram à decisão em momentos opostos. A Atalanta, com seis pontos, confiante após buscar o quarto lugar no Italiano e o Villarreal, com 7, sob desconfiança por figurar apenas no 13° lugar no Espanhol.

Em campo, porém, o time espanhol se impôs, mesmo jogando pelo empate, e foi logo abrindo 3 a 0 com 50 minutos de jogo. Arnaut Danjuma, o herói da vaga, inaugurou marcador com somente três minutos. Antes do intervalo, Capoue ampliou, deixando a vaga bem encaminhada aos espanhóis.

Apenas uma improvável virada salvaria os donos da casa da queda precoce em Bérgamo. Mas, foi Danjuma quem apareceu mais um vez para balançar as redes italianas. Com 3 a 0, os espanhóis diminuíram o ritmo e os donos da casa iniciaram uma tardia reação.

Malinovsky e Zapata diminuíram a desvantagem, restando 10 minutos para o apito final. Logo após, Muriel, de fora da área, ainda carimbou a trave. O lance incendiaria os minutos decisivos, mas alertou os espanhóis, que souberam se defender e festejaram a vaga.

"Começamos muito mal, com medo, e destravamos tarde demais. A bola na trave de Muriel podia mudar o jogo e apenas aumentou a lamentação de um dia ruim. Não realizamos o nosso melhor", lamentou o técnico da Atalanta, Gian Piero Gasperini.

Estadão
Publicidade
Publicidade