PUBLICIDADE

Xavi admite que já recusou treinar o Barcelona duas vezes

Ídolo blaugrana e comandante do Al Sadd afirma não ter pressa para treinar a equipe catalã

5 jun 2021 11h16
| atualizado às 11h33
ver comentários
Publicidade

Xavi, comandante do Al Sadd, disse em entrevista ao "La Vanguardia" que tem o sonho em treinar o Barcelona, mas que não possui pressa para assumir o cargo. O catalão afirma já ter recusado a oportunidade em dois momentos diferentes.

Xavi diz não ter pressa para comandar o Barcelona (Karim Jaafar / AFP)
Xavi diz não ter pressa para comandar o Barcelona (Karim Jaafar / AFP)
Foto: Lance!

"Já disse duas vezes "não" ao Barcelona. Isso é muito difícil, pois sou um culé. Me sinto mais preparado do que no primeiro dia e estou aberto. Não engano ninguém. Me preparo para isso (dirigir o Barça), mas tenho que respeitar Koeman, uma lenda do clube e com mais um ano de contrato".

Recentemente, Xavi também foi chamado parafazer parte da comissão técnica da CBF e ser auxiliar de Tite, mas recusou o convite. O espanhol está desde 2019 no comando do Al Sadd e renovou seu contrato com o clube do Qatar há poucos meses até 2023.

No entanto, o nome do ex-jogador e lenda do clube culé é o mais cotado para assumir a equipe blaugrana em 2022. Ronald Koeman estará fora dos planos, enquanto restará apenas um ano de contrato de Xavi com a atual equipe, mas o técnico pode antecipar seus planos.

Lance!
Publicidade
Publicidade