PUBLICIDADE

Huntelaar faz dois, mas Holanda leva virada dos EUA no fim

5 jun 2015 17h36
| atualizado às 18h00
ver comentários
Publicidade

A Holanda levou uma virada espetacular dos Estados Unidos por 4 a 3 nesta sexta-feira, em amistoso disputado em Amsterdã. O centroavante Huntelaar se destacou ao balançar a rede duas vezes e participar também do terceiro gol da seleção laranja, mas a atuação não foi suficiente para evitar a reviravolta americana nos minutos finais.

Estados Unidos arrancaram virada incrível nos acréscimos
Estados Unidos arrancaram virada incrível nos acréscimos
Foto: Kay int Veen / EFE

O jogo serviu para o técnico Guus Hiddinnk fazer os últimos ajustes na Holanda antes de enfrentar a Letônia, em duelo pelas Eliminatórias da Eurocopa de 2016, daqui a uma semana. Já para o time dos EUA, dirigido pelo alemão Jürgen Klinsmann, o foco é a Copa Ouro, que começará ao final da Copa América e pode dar vaga na Copa das Confederações de 2017.

O primeiro gol de Huntelaar saiu aos 26min da etapa inicial. Após cruzamento pelo lado esquerdo, o atacante do Schalke 04 desviou de cabeça e abriu o placar. Os Estados Unidos empataram sete minutos mais tarde, quando Gyasi Zardes recebeu bola por trás da zaga e concluiu de primeira, no canto direito baixo do goleiro.

Huntelaar foi destaque no jogo, mas não evitou derrota da Holanda
Huntelaar foi destaque no jogo, mas não evitou derrota da Holanda
Foto: Koen van Weel / EFE

Os outros cinco gols saíram no segundo tempo. Huntelaar, aos 4min, de novo de cabeça, contou com falha do goleiro para colocar a Holanda mais uma vez à frente. Apenas quatro minutos depois, um arremate seu desviou em Memphis Depay, dentro da área, e tirou a bola do alcance do goleiro.

Uma reação surpreendente, porém, deu o triunfo aos Estados Unidos. Aos 25min, um contra-ataque iniciado por Bradley terminou nos pés de John Brooks, que só empurrou a bola para a meta vazia. Já nos minutos finais, Daniel Williams deixou o placar em 3 a 3 com ajuda de desvio da defesa em chute da entrada da área. E no último lance, Bobby Shou Wood recebeu passe na pequena área e bateu de primeira para assegurar o quarto gol.

 

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
Publicidade
Publicidade