PUBLICIDADE

Goleiro acusado de receber “mala preta” é alvo de ameaças

Richarlyson, ex-atleta do time, disse que goleiro foi “comprado” em jogo que definiu a queda do time para Série B em 2003

20 jul 2021 12h28
| atualizado às 12h34
ver comentários
Publicidade

Por redes sociais, torcedores do Fortaleza se mostraram revoltados com o goleiro Jefferson, acusado por Richarlyson de ter se vendido em jogo do Brasileiro de 2003 que definiu o rebaixamento do clube para a Série B. A partida em questão foi disputada com a Ponte Preta, em dezembro daquele ano, em Campinas, e vencida pelos mandantes por 2 a 0.

As declarações de Richarlyson, que à época atuava pelo clube cearense, foram dadas em entrevista ao Programa Arena SBT. Jefferson negou que tenha cometido tal ato, acionou um advogado e prometeu processar o ex-colega de clube. Disse que vai fazer de tudo para provar sua inocência e que está com a consciência tranquila.

Richarlyson acusa ex-colega de Fortaleza de ter se vendido para manipular resultado de um jogo
Richarlyson acusa ex-colega de Fortaleza de ter se vendido para manipular resultado de um jogo
Foto: Antonio Chahestian / Record TV / Divulgação / Estadão Conteúdo

No jogo, o goleiro falhou grosseiramente no primeiro gol da Ponte Preta, em que não esticou os braços para afastar uma bola alçada na área. Veja abaixo alguns comentários de torcedores do Fortaleza em postagens no Youtube e Facebook feitas nesta terça-feira. Alguns em tom de ameaça.

“Esse goleiro tá f. com a torcida.” “Esse letreca passou o campeonato todo tomando frango, deram um voto de confiança pra ele e o cara se vende, jogador imundo.” “Esse goleiro não deve nem pensar em passar perto de Fortaleza.” “Goleiro traíra, ah se a torcida soubesse disso há mais tempo.” “Goleiro safado.” “Vagabundo.” “Pilantra.” “Vamos procurar esse frangueiro do Jefferson.” “O nome todo dele é Jefferson ... (reticências são da reportagem).”

Papo de Arena Todo o conteúdo (textos, ilustrações, áudios, fotos, gráficos, arquivos etc.) deste blog é de responsabilidade do blogueiro que o assina. A responsabilidade por todos os conteúdos aqui publicados, bem como pela obtenção de todas as autorizações e licenças necessárias, é exclusiva do blogueiro. 
Publicidade
Publicidade