0

Técnico do Irã confirma que vai sair após Copa do Mundo

19 jun 2014
15h51
atualizado às 16h35
  • separator
  • 0
  • comentários

Na manhã desta quinta-feira, o técnico da seleção iraniana, Carlos Queiroz, declarou que não continuará no comando da equipe depois da Copa do Mundo. Treinando o Irã desde 2011, ele esclareceu que recebeu proposta da federação para estender seu contrato, mas que tomou uma decisão pessoal.

<p>Carlos Queiroz deixará "legado técnico de organização"</p>
Carlos Queiroz deixará "legado técnico de organização"
Foto: AFP

Quer acompanhar as notícias e jogos da sua seleção? Baixe nosso app. #TerraFutebol

"Sabemos as limitações que a seleção teve nesse tempo. Disputamos amistosos contra times amigos, que não nos cobraram nada. As limitações econômicas e políticas influenciaram no futebol. Não deveria ser assim, mas não há o que fazer. Está decidido que não continuarei."

Desde que se tornara técnico do Irã, Carlos Queiroz fazia críticas às limitações impostas pela Federação Iraniana de Futebol. Os principais motivos eram a escassez de tempo para preparação e os empecilhos para o agendamento de amistosos contra equipes maiores.

Apesar da saída, o treinador tem consciência de que fez um bom trabalho na seleção. "Em todos os trabalhos, o principal para mim é ter a certeza de que deixei a camisa do time onde estava mais bem posicionada, em um ponto mais elevado. Com certeza, o Irã está hoje em um lugar melhor do que quando assumi. Normalmente, somos mais valorizados quando ganhamos títulos, mas certamente o próximo treinador, melhor ou pior, tem um legado técnico de organização."

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade