1 evento ao vivo

Honduras x Suíça: Terra acompanha jogo minuto a minuto

24 jun 2014
23h37
atualizado às 23h38
  • separator
  • 0
  • comentários

A última rodada do Grupo E da Copa do Mundo de 2014 reserva um duelo entre duas seleções que buscam a classificação para as oitavas de final de maneira diferente. Enquanto Honduras precisa de um verdadeiro milagre, a Suíça pretende apenas reagir após a humilhante goleada de 5 a 2 para a França. As duas equipes se enfrentam nesta quarta-feira, na Arena Amazônia, em Manau (AM). O Terra acompanha a partida minuto a minuto a partir das 16h30 (de Brasília).

<p>Suíços precisam vencer e torcer por tropeço do Equador para se classificarem</p>
Suíços precisam vencer e torcer por tropeço do Equador para se classificarem
Foto: AFP

Quer acompanhar as notícias e jogos da sua seleção? Baixe nosso app. #TerraFutebol

Com três pontos conquistados, a Suíça divide a segunda posição com o Equador, que no mesmo horário enfrenta a França. Para conseguir se classificar, os suíços, com saldo negativo de dois gols, precisam ganhar e torcer por tropeço dos equatorianos, que têm saldo zerado. Já para Honduras, na lanterna, sem ter pontuado e com saldo de menos quatro gols, a classificação é um verdadeiro milagre, que passa por uma goleada por quatro tentos de diferença, além de derrota do Equador.

“Sabemos que a nossa situação é muito delicada, que as nossas chances de classificação são mínimas, mas esta é a oportunidade que temos. Se ainda temos essa partida por fazer, precisamos batalhar enquanto a Matemática permitir. Vamos tentar jogar com alegria contra a Suíça, pensando em marcar um gol de cada vez”, disse Luis Fernando Suárez, técnico de Honduras, que viu sua equipe perder de 3 a 0 para a França e de 2 a 1 para o Equador.

Os suíços têm pensamento parecido em relação à necessidade de ganhar e garantem que já esqueceram a goleada sofrida para a França.

“Nós temos que ganhar o nosso jogo e esse é o primeiro passo se quisermos a classificação para as oitavas de final. O que vai acontecer no jogo do Equador não é problema nosso. O meu objetivo é que meu grupo de jogadores faça uma grande partida e some três pontos. Se formos eliminados ganhando dois jogos é porque pelo menos fizemos um grande trabalho. Sinceramente, não acho que isso vá acontecer. Acho que vamos ganhar e nos classificar”, afirmou Ottmar Hitzfeld, técnico da Suíça, que tem trabalhado o aspecto mental dos jogadores desde a goleada para os franceses.

Em termos de escalação, as duas equipes optaram pelo mistério. Em Honduras, o experiente Wilson Palacios, que costuma ditar o ritmo do meio-de-campo, reaparece na vaga de Boniek García. Assim, o time se torna um pouco mais ofensivo.

Já pelo lado da Suíça, Ottmar Hitzfeld, avesso a mudanças ditadas apenas por conta de um resultado, descartou modificações drásticas e deverá manter a base que enfrentou a França.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade