PUBLICIDADE

Com "vai Corinthians", Seleção treina em estádio da abertura

11 jun 2014
17h09 atualizado às 17h42
0comentários
17h09 atualizado às 17h42
Publicidade
<p>Em lances mais plásticos de Neymar, gritos de olé dos funcionários foram escutados na arquibancada da Arena Corinthians</p>
Em lances mais plásticos de Neymar, gritos de olé dos funcionários foram escutados na arquibancada da Arena Corinthians
Foto: Ricardo Matsukawa / SXC.HU

Um dia antes da estreia na Copa do Mundo, a Seleção Brasileira optou por um treino mais recreativo na Arena Corinthians, palco da abertura do evento. Em uma espécie de rachão onde os jogadores podiam tocar apenas duas vezes na bola, chamou mais atenção os gritos vindos da arquibancada do que a movimentação dos jogadores dentro de campo.

Quer acompanhar as notícias e jogos da sua seleção? Baixe nosso app. #TerraFutebol

Com alguns funcionários que fazem os últimos ajustes no estádio assistindo à atividade de camarote, era possível escutar ecos vindos da arquibancada com gritos de "vai, Corinthians". Jogadas mais plásticas de Neymar também rendiam alguns "olés" ditos pelos operários. A atividade serviu mais para zagueiros como David Luiz viverem dia de artilheiro.

O treinamento em campo reduzido foi comandado pelo auxiliar técnico Flavio Murtosa. Do outro lado do gramado, o técnico Luiz Felipe Scolari, ao lado do preparador de goleiros Carlos Pracidelli, treinou exaustivamente cobranças de falta com os principais batedores do Brasil. Neymar, Marcelo, David Luiz, Daniel Alves e Willian foram os cobradores.

Destaque principalmente para o lateral Marcelo, que teve um bom aproveitamento nas cobranças. Alguns outros titulares como Fred e Paulinho também participaram da atividade separada com o treinador, mas para fazer cobranças de pênalti. A exigência de Felipão com as bolas paradas vai ao encontro do discurso do comandante da Seleção com relação a importância destes tipos de lance em jogos de Copa do Mundo.

Segundo Felipão, as bolas aéreas e cobranças de falta e escanteio podem decidir partidas em que o Brasil encontrar defesas mais fechadas. Durante a semana, o treinador já havia trabalhado muito nos coletivos os lances de escanteio e jogadas ensaiadas de bola parada.

Se na parte de dentro da Arena Corinthians a movimentação era apenas de jornalistas e funcionários que tem os últimos cuidados antes do Brasil x Croácia desta quinta-feira, do lado de fora a movimentação de torcedores foi constante no estádio em Itaquera. Torcedores de diversos países como México, Colômbia, Croácia e o próprio Brasil, circulavam nos arredores da arena para tirar fotos e ver a preparação do palco de abertura da Copa do Mundo.

Fonte: Terra
Publicidade
Publicidade