PUBLICIDADE

Ministro do Esporte quer paralisação temporária do futebol brasileiro após tragédia no RS

André Fufuca se articula na CBF para suspensão das atividades em razão das enchentes no Rio Grande do Sul

9 mai 2024 - 20h24
(atualizado às 20h56)
Compartilhar
Exibir comentários
Foto: Reprodução/Partido Progressistas - Legenda: André Fufuca, ministro do Esporte / Jogada10

O Ministro do Esporte, André Fufuca, defendeu nesta quinta-feira, 9, a paralisação do futebol brasileiro em razão das enchentes que assolam o Rio Grande do Sul. Afinal, Grêmio, Internacional e Juventude não têm condições de treinar e participar de jogos.

Ele afirmou que se articula na CBF para suspender temporariamente todas as atividades o mais rapidamente possível no futebol masculino e no feminino.

"Diante do cenário de calamidade pública e das severas consequências das enchentes para a população do Rio Grande do Sul, defenderemos junto à CBF a suspensão temporária Campeonatos Brasileiros de Futebol masculino e feminino", disse Fufuca, em entrevista à ESPN.

Até o momento, houve o cancelamento apenas das partidas do trio gaúcho da Série A pelo prazo de 20 dias. Inicialmente, as equipes só retornariam aos jogos a partir de 27 de maio.

Entretanto, a previsão de fortes chuvas para os próximos dias em todo o estado tende a comprometer o retorno aos gramados.

Siga o Jogada10 nas redes sociais: TwitterInstagram e Facebook.

Jogada10
Compartilhar
Publicidade
Seu Terra












Publicidade