1 evento ao vivo

Dirigente bate de frente com R. Gaúcho após críticas "inapropriadas"

22 jun 2011
18h35
atualizado às 19h23
Cristiano Silva
Direto de Porto Alegre

Ainda repercute de maneira muito forte as manifestações do técnico Renato Gaúcho, que na terça-feira disse que a direção gremista tem até a próxima quinta para anunciar duas contratações e que ele já teria deixado tudo "mastigado" para os dirigentes. Na tarde desta quarta-feira, o vice de futebol Antônio Vicente Martins concedeu entrevista desautorizando o treinador a falar sobre reforços.

"O que eu quero deixar bem claro para o torcedor e para todos aqueles que acompanham o futebol é que quem tem o comando do departamento do futebol é a diretoria do Grêmio, e não vai deixar de ser assim. Às vezes eu tenho vontade de rir das coisas que o Renato fala, que às vezes é completamente inapropriada. Às vezes eu quero vir aqui e falar todas as minhas opiniões de como o time joga ou deixa de jogar, mas eu não posso fazer, é da relação profissional que a gente tem, que se tenha algum tipo de cuidado", disse Antônio Vicente Martins.

O dirigente confirmou também que, mesmo sem as contratações pedidas pelo técnico, o Grêmio tem grupo para ser campeão brasileiro. "O grupo do Grêmio tem chance de ser campeão, sim. O grupo do Grêmio tem muita chance de ser campeão, sim, e sem nenhum reforço. Podem me dar pau porque eu não tenho nenhuma dúvida disto. Estou repetindo: o time do Grêmio tem grupo para ser campeão. A gente tem convicção de que o Grêmio tem um bom grupo", reforçou o vice de futebol.

Antônio Vicente Martins ainda destacou que o atual grupo de jogadores é melhor do que o grupo do Grêmio vice-campeão brasileiro de 2008, porém, quando questionado se o técnico Celso Roth, treinador na época, era melhor do que Renato Gaúcho, o dirigente respondeu que ídolo é o técnico ideal para o time tricolor.

Em relação a novas contratações, o dirigente disse que o Grêmio está procurando reforçar o grupo, mas que não vai cometer nenhuma loucura e que a direção não tem prazo para anunciar contratações.

Vice de futebol desautorizou o treinador a falar sobre reforços
Vice de futebol desautorizou o treinador a falar sobre reforços
Foto: Ivan Pacheco / Terra
Fonte: Cristiano Leonardo S. da Silva Jornalismo - Especial para o Terra Cristiano Leonardo S. da Silva Jornalismo - Especial para o Terra
publicidade