PUBLICIDADE

Alexandre Pato é pai pela 1ª vez e tem futuro incerto no futebol aos 34 anos

Atacante, que estourou aos 17 anos e brilhou no Milan, tem última passagem profissional marcada por frustração e poucas partidas no São Paulo de Dorival Junior

1 fev 2024 - 13h31
(atualizado às 18h11)
Compartilhar
Exibir comentários

Alexandre Pato tem a certeza de que o ano de 2024 será transformador em sua vida. Ainda em janeiro, nasceu Benjamin, o primeiro filho do jogador com, Patrícia, filha de Silvio Santos, do SBT. Dentro de campo, porém, o futuro do atleta ainda é dúvida. Já são 17 anos desde que Pato estourou para o futebol no Internacional e transferiu-se para o Milan. Os últimos vínculos profissionais, com Orlando City e São Paulo, em quase nada remetem àquela época.

O último clube de Pato foi o Tricolor paulista, sob o comando de Dorival Junior. Ele chegou em maio de 2023. Ele já vinha tratando uma lesão no CT da Barra Funda antes de ser contratado. O contrato previa cláusulas de produtividade, com possibilidade de renovação. Foram apenas dez jogos, quase sempre começando entre os reservas, e somente dois gols.

Em novembro, ele teve um estiramento no músculo reto femoral da perna esquerda. Isso praticamente encerrou a terceira passagem dele pelo São Paulo, já que o acordo encerrava em 31 de dezembro e não havia planos para que o atleta permanecesse no clube. A lesão que Pato havia tratado no CT do São Paulo era no joelho esquerdo, sofrida ainda quando era jogador do Orlando City. No clube dos Estados Unidos, foram 32 jogos e apenas quatro gols.

Depois de passagem frustrada pelo São Paulo, futuro de Pato no futebol é incerto.
Depois de passagem frustrada pelo São Paulo, futuro de Pato no futebol é incerto.
Foto: Felipe Rau/Estadão / Estadão

Próximo do fim do contrato, Pato chegou a ser especulado na Portuguesa. A Lusa teve, em 2023, o quinto ano fora de uma competição nacional. O clube negou o interesse. "O clube tomou conhecimento de notícias que informaram um possível interesse no jogador e achou por bem esclarecer seu torcedor que toda e qualquer contratação tem sido feita com esmero e responsabilidade financeira, dois pilares desta administração", dizia nota assinada pelo departamento de futebol da Portuguesa.

Também em dezembro, Pato compareceu ao amistoso entre São Paulo e Milan, que comemorou os 30 anos do bicampeonato mundial conquistado pelo time tricolor. Mesmo com história nos dois clubes, o atacante preservou-se devido à lesão muscular. Ele acompanhou a partida ao lado da comissão técnica italiana.

Pato tem 34 anos e uma carreira de altos e baixos. Depois de ter estourado no Internacional e a ida ao Milan, em 2013 ele retornou ao Brasil. Fechou com o Corinthians. Pelos dois anos sequentes, Pato jogou emprestado ao São Paulo. A boa fase lhe rendeu uma nova aposta na Europa, no Chelsea e Villareal, mas sem destaque. Pato ainda rumou ao Tianjin Tianhai, da China, antes de voltar ao São Paulo, em 2019. A segunda passagem terminou em agosto de 2020, com rescisão de contrato após desgaste entre jogador e diretoria. Na sequência, Pato foi para o Orlando, até retornar para São Paulo.

Pai do primeiro filho, o atacante não anunciou sua aposentadoria.

Estadão
Compartilhar
Publicidade
Seu Terra












Publicidade