PUBLICIDADE
Logo do

Flamengo

Meu time

Possível estreante, Kenedy busca repetir trajetória de sucesso de reforços antecessores no Flamengo

Atacante está treinando há três semanas no Ninho do Urubu e pode ser uma das novidades entre os relacionados para o jogo contra o Grêmio, neste domingo, pelo Brasileirão

19 set 2021 08h04
| atualizado às 08h04
ver comentários
Publicidade

Aprimorando a forma física no Ninho do Urubu há três semanas, Kenedy vive a expectativa de fazer uma estreia pelo Flamengo. A oportunidade pode vir neste domingo, quando o Flamengo volta a enfrentar o Grêmio no Maracanã, desta vez pela 21ª rodada do Campeonato Brasileiro. A presença do camisa 33 entre os relacionados pode ser uma das novidades para o confronto, já que a lista não foi divulgada. A bola rola às 20h30, com transmissão em tempo real do L!.

O atacante Kenedy, sem colete, em ação no Ninho do Urubu (Foto: Marcelo Cortes/Flamengo)
O atacante Kenedy, sem colete, em ação no Ninho do Urubu (Foto: Marcelo Cortes/Flamengo)
Foto: Lance!

Revelado pelo Fluminense, Kenedy saiu do Brasil ainda com 19 anos. Foram, então, seis temporadas no futebol europeu, entre empréstimos e poucas chances no Chelsea. Uma trajetória com suas peculiaridades, mas semelhante a outros reforços antecessor do Fla, como o meia Gerson e o atacante Pedro. E são nesses exemplos que Kenedy buscará se espelhar e repetir o sucesso.

Gerson e Pedro também foram revelados em Xerém e tiveram experiências frustrantes em suas primeiras passagens pela Europa. Gerson até somou bons minutos com as camisas de Roma e Fiorentina, na Itália, mas apostou no sonho e no projeto de defender o Flamengo, voltando em junho de 2019.

Após conquistar oito títulos e ser um dos símbolos do time de Jorge Jesus, voltou ao Velho Continente neste ano, vendido ao Olympique de Marseille.

Pedro, por sua vez, teve poucas chances na Fiorentina e também retornou ao Brasil após uma temporada. Em 2020, foi o vice-artilheiro do Flamengo e ajudou nos títulos do Brasileiro, Supercopa do Brasil e Recopa Sul-Americana.

O Flamengo, portanto, repetiu a operação que já deu certo em outros exemplos para contar com Kenedy. Negociou o empréstimo com o Chelsea até junho do ano que vem e, caso o atleta se firme no time, tentará comprá-lo em definitivo. O valor já está definido: 10 milhões de euros. Foram assim os "cases" de sucesso do clube com Gerson e Pedro, entre outros, como o atacante Gabigol.

Lance!
Publicidade
Publicidade