PUBLICIDADE

Brilho de ouro para o Brasil nos Jogos Pan-Americanos de Santiago

Atletas do país conquistam muitas medalhas históricas no Chile; judocas e tenistas conseguem títulos, e seleção de beisebol é prata

29 out 2023 - 00h26
Compartilhar
Exibir comentários
Rafaela Silva conquista o ouro na categoria até 57 kg no Pan de Santiago
Rafaela Silva conquista o ouro na categoria até 57 kg no Pan de Santiago
Foto: Anderson Neves/CBJ / Esporte News Mundo

Um dia especial. Rafaela Silva conquistou o ouro no Pan de 2019, em Lima, no Peru, mas perdeu a medalha por causa de doping. No dia 28, a judoca voltou a vencer e chegou ao título da categoria até 57 kg. Na modalidade, Alexia Nascimento (até 48 kg), Larissa Pimenta (até 52 kg) e Michel Augusto (60 kg) conquistaram a ‘douradinha’

No Tênis, Laura Pigossi foi a mulher da modalidade e conquistou vaga nos Jogos de Paris-2024. Conquistou o ouro com Luisa Stefani nas duplas e se classificou para a decisão de simples em uma partida que teve mais de três horas. Laura foi fora de série. Excepcional mesmo. Pigossi venceu a argentina Julia Riera de virada, parciais de 4/6, 6/4 e 7/6 (5). A guerreira Laurinha enfrentará outra argentina, Lourdes Carle.

Nas duplas, Laura e Luisa, as duas juntas conseguiram um bronze histórico em Tóquio-2021,venceram as colombianas Fernanda Herazo e Paulina Perez por 2 sets a 0 (7/5 e 6/3). O Brasil não era campeão nas duplas femininas desde 2003.

No Tênis masculino, Gustavo Heide e Thiago Monteiro também conquistaram a medalha de ouro nas duplas. Eles venceram por 2 sets a 1 os chilenos Alejandro Tabilo e Tomás Barrios.

Brasil, país do beisebol

A seleção brasileira da modalidade conquistou a prata. A Colômbia venceu o Brasil por 9 a 1 na final dos Jogos de Santiago. Os brasileiro não disputavam edição do Pan desde 2007, no Rio de Janeiro. O México foi bronze ao derrotar o Panamá.

Abraços pan-americanos e igualitários!

Fonte: PV Ferreira PV Ferreira é editor e jornalista esportivo com experiência em coberturas do futebol brasileiro, sul-americano e europeu, além das modalidades olímpicas e paralímpicas. As visões do colunista não representam a visão do Terra.
Compartilhar
Publicidade
Publicidade