PUBLICIDADE
Logo do

Bahia

Meu time

Poder criativo do Bahia é exaltado por Dado Cavalcanti

Técnico também frisou caráter 'traiçoeiro' da competição que deixou pelo caminho dois campeões na última quarta-feira (9)

10 jun 2021 09h24
ver comentários
Publicidade

Apesar de ter ganhado novamente do Vila Nova por 1 a 0 pela Copa do Brasil, um elemento que chamou a atenção no confronto decisivo em relação ao Bahia foi justamente o placar magro no estádio de Pituaçu diante de um adversário que não mostrou poder de reação.

Treinador falou em 11 oportunidades claras de marcar (Felipe Oliveira/EC Bahia)
Treinador falou em 11 oportunidades claras de marcar (Felipe Oliveira/EC Bahia)
Foto: Lance!

Em entrevista coletiva, o técnico Dado Cavalcanti preferiu pontuar o fato de que houveram muitas oportunidades claras criadas pelo sistema ofensivo do Esquadrão bem como a dificuldade da competição em seu caráter eliminatório onde Palmeiras (diante do CRB) e Cruzeiro (frente a Juazeirense) caíram mesmo contando com o favoritismo histórico e a vitória no confronto de ida.

Além disso, Dado ressaltou que o confronto apresentou uma situação completamente atípica onde, além de falhas de conclusão, o arqueiro do time goiano, Georgemy, fez uma partida digna de muitos elogios mesmo tendo cometido o erro na saída de bola que resultou no gol feito por Gilberto.

- Criamos muito. Tivemos 11 chances claras de gol em um jogo. Destaco também a atuação do goleiro do Vila. Fez uma atuação estupenda. Para mim, foi o melhor em campo, mesmo com a falha no gol de Gilberto. Inclusive, houve erro forçado. Gilberto forçou o erro do goleiro. Se não estivesse pressionado, a bola não entrava. Entendo que hoje não tivemos tanta tranquilidade no último passe, na última bola para fazer a conclusão. Valorizo a criação, criamos muito. E sabemos que, em condições normais, podemos fazer muito mais gols do que foi feito hoje - relatou o treinador.

- A competição é muito traiçoeira. Estamos hoje aqui pensando, refletindo do jogo em casa que vencemos por 1 a 0, enquanto vários adversários, concorrentes ao título, inclusive, com porte maior, estão chorando uma desclassificação. Ficaram pelo meio do caminho. Vamos enaltecer o que aconteceu hoje. Nos classificamos vencendo as duas partidas. Estamos 100% no campeonato e sabemos que, na próxima fase, vamos enfrentar adversários possivelmente mais bem preparados. Mas também estamos bem fortes no campeonato - agregou.

Lance!
Publicidade
Publicidade