PUBLICIDADE

Com batidas no fim, Leclerc crava pole na F1 em Mônaco

Charles Leclerc é pole em Mônaco. Sessão foi encerrada com acidente entre Sergio Perez e Carlos Sainz

28 mai 2022 12h14
| atualizado às 12h21
ver comentários
Publicidade
Leclerc na classificação de Mônaco
Leclerc na classificação de Mônaco
Foto: Ferrari / Twitter

Charles Leclerc é pole em Mônaco pelo segundo ano consecutivo. Depois de dominar todos os treinos livres, o piloto da casa confirmou seu favoritismo e cravou a volta mais rápida, se garantindo na primeira posição do grid.

A sessão acabou de forma inusitada: Sergio Perez, da Red Bull, errou na entrada do túnel em sua última tentativa e bateu. Carlos Sainz, da Ferrari, não foi avisado sobre o carro atravessado e também bateu. A bandeira vermelha pôs fim à classificação. Coincidentemente, os dois envolvidos ficaram em 2º (Sainz) e 3º (Perez).

Não bastasse o enrosco entre Perez e Sainz, Alonso também bateu simultaneamente, mas em outro ponto da pista, a curva Mirabeau. O choque foi leve, mas seria suficiente para acionamento de bandeira vermelha e encerraria a sessão do mesmo jeito.

Sainz na classificação em Mônaco
Sainz na classificação em Mônaco
Foto: Ferrari / Twitter

Max Verstappen, líder do campeonato, foi apenas 4º. Confira abaixo como foi a classificação de Mônaco:

Leclerc mais rápido no Q1
A primeira volta válida foi de Kevin Magnussen, ainda com tempo bem alto, na casa de 1min16. Conforme os demais pilotos foram completando suas voltas, a ordem foi sendo alterada rapidamente. Ao final da primeira tentativa de cada, Max Verstappen era o mais rápido, com Sergio Perez e Charles Leclerc logo atrás. A volta era de 1min14s296.

Leclerc reclamou do tráfego e abortou uma nova volta, vendo seu nome despencar na tabela de tempos. Mas, quando acertou sua volta, pulou para 1º, com volta de 1min12s939. Verstappen, Perez e Sainz vinham logo depois. Já que ninguém superou o tempo de Leclerc, ele próprio melhorou sua marca: 1min12s569.

Sergio Perez na classificação de Mônaco
Sergio Perez na classificação de Mônaco
Foto: Red Bull / Twitter

A dois minutos do fim, Tsunoda entrou cedo demais na Nouvelle Chicane e bateu a roda dianteira esquerda na parte interna da primeira perna da curva. Ele conseguiu voltar aos boxes mesmo com o pneu furado, mas a direção de prova optou por acionar a bandeira vermelha para retirar detritos da pista.

A bandeira verde foi mostrada com 2:25 restantes no cronômetro. Uma grande fila de formou na saída do pitlane e, como era de se imaginar, alguns não conseguiram abrir volta a tempo. Com as voltas completadas, os eliminados foram Alex Albon, Pierre Gasly, Lance Stroll, Nicholas Latifi e Guanyu Zhou.

Leclerc outra vez
Nas primeiras voltas, o mais rápido foi Perez, com marca de 1min12s059. Logo atrás vinha a dupla da Ferrari, com Sainz à frente de Leclerc. Verstappen era o 4º, logo adiante de Alonso. Leclerc, então, foi o primeiro a desder da casa de 1min12, com uma volta de 1min11s864

Max Verstappen na classificação de Mônaco
Max Verstappen na classificação de Mônaco
Foto: Red Bull / Twitter

Antes da última saída, mais uma vez Ferraris e Red Bulls dominavam, com Leclerc sendo seguido por Perez e Sainz. Norris se colocava como um intruso, à frente de Verstappen. A zona de eliminação tinha Ricciardo, Vettel, Magnussen, Bottas e Mick Schumacher.

Ao final do cronômetro, Verstappen superou Norris e voltou ao 4º lugar. Os eliminados foram Tsunoda, Bottas, Magnussen, Ricciardo e Mick Schumacher.

Batida no fim e Leclerc na pole.
Em sua primeira volta no Q3, Leclerc melhorou em muito sua marca, cravando 1min11s376. O outro carro da Ferrari e os dois Red Bulls ficaram quase empatados, a 0s2 de seu tempo. A sequência entre eles era Sainz, Perez e Verstappen. A fila seguia com Alonso, Norris, Hamilton, Russell, Vettel e Ocon.

Perez bateu e foi coletado por Perez em seguida
Perez bateu e foi coletado por Perez em seguida
Foto: F1 / Reprodução

Nos últimos segundos, Perez errou e bateu na entrada do túnel. Carlos Sainz, que vinha logo atrás. o pegou na saída da curva cega. Bandeira vermelha e fim de sessão, com o 2º e o 3º fora de combate. Alonso, em outro ponto da pista, também bateu.

Com isso, Leclerc faz sua segunda pole seguida em Mônaco. Assim como ano passado, a sessão acaba em bandeira vermelha. Dessa vez, para sua sorte, não foi ele o causador do problema.

A corrida acontece no domingo (29), às 10 horas da manhã.

Os resultados da classificação para o GP de Mônaco
Os resultados da classificação para o GP de Mônaco
Foto: F1
Parabólica
Publicidade
Publicidade