10 eventos ao vivo

Mercedes explica porque não fez pit-stop para Bottas

21 mar 2019
18h28
  • separator
  • 0
  • comentários

A Mercedes disse que um fator de “risco versus recompensa”, estava por trás da decisão de não trocar os pneus de Valtteri Bottas, durante as voltas finais do Grande Prêmio da Austrália.

Mercedes explica porque não fez pit-stop para Bottas
Mercedes explica porque não fez pit-stop para Bottas
Foto: Glenn Nicholls/ AFP / F1Mania

Em um vídeo após a corrida, respondendo às perguntas dos torcedores, o estrategista-chefe James Vowles, disse que o assunto de tentar alcançar o novo ponto de bônus de volta mais rápida, foi “calorosamente debatido” dentro da Mercedes.

Com uma confortável vantagem em relação ao companheiro de equipe Lewis Hamilton, Bottas pediu para parar e trocar para pneus novos, em uma tentativa de garantir o ponto de volta mais rápida, e mesmo tendo seu pedido foi recusado, ele ainda conseguiu marcar o ponto adicional.

“Os fatos são que há 21 corridas, 21 pontos, o que é quase o valor de uma corrida, e você não pode deixar seus rivais fugirem com isso”, explicou Vowles. "Esta pode ser uma temporada muito disputada e isso pode fazer toda a diferença".

"Mas é risco versus recompensa, se por exemplo, você decidir fazer uma parada extra com o único propósito de conseguir a volta mais rápida da corrida, há risco envolvido nisso. Talvez você não tenha uma roda conectada ao carro corretamente e o carro apague, é uma incógnita".

"Talvez o piloto acidentalmente cruze a linha branca na entrada ou saída do box. Qualquer uma delas tem grandes repercussões".

"O inverso é novamente no final da corrida, pedir a um piloto para acelerar e extrair desempenho para a volta mais rápida da corrida, não é isento de riscos. Eles podem sair da pista, podem cometer um erro e arriscar."

O chefe da Mercedes, Toto Wolff, revelou após a corrida que Bottas e seu novo engenheiro Riccardo Musconi, haviam ignorado suas instruções antes da corrida para não correr o risco de tentar o ponto mais rápido.

"Valtteri e Lewis fizeram um ótimo trabalho ao administrar os pneus, e apenas tentaram manter a maior quantidade de borracha possível, de modo que pudessem fazer a volta mais rápida no final da corrida", acrescentou Vowles.

“Valtteri finalmente teve pneus em um estado ligeiramente melhor, e não teve o dano no fundo do carro que Lewis teve, e fez um trabalho fantástico marcando o número máximo de pontos disponíveis para ele naquela corrida", concluiu.

Confira os últimos vídeos do canal da F1MANIA no YouTube – ePRIX DE HONG KONG | Melhores Momentos | FÓRMULA E 2018/19 – 5ª etapa

F1 2019 | Ferrari apresenta SF90 vermelha e preta fosco:

F1 2019 | MCLAREN apresenta o MCL34:

F1 2019 | Red Bull apresenta RB15 ‘roxo, preto e vermelho’:

F1 2019 | Mercedes apresenta nova pintura para o W10:

FÉRIAS F1MANIA | Pilotamos uma FERRARI 488 GTB no SPEEDVEGAS:


F1Mania
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade