1 evento ao vivo

Feira de calçados busca revitalizar mercado afetado por Copa

Tradicional evento do setor, Francal busca reverter momento de apreensão gerado pelo baixo volume de vendas do primeiro semestre

18 jul 2014
08h00
  • separator
  • comentários

Se a Copa do Mundo fez a alegria dos amantes do futebol e de empresários de diversos ramos, como alimentação e turismo, o mesmo não se pode dizer de outras áreas da economia, que ficaram um pouco de lado. É o caso do setor de calçados, que sofreu com o baixo volume de vendas no primeiro semestre, mas busca recuperar o tempo perdido com a Feira Internacional de Moda em Calçados e Acessórios (Francal), que teve início na terça (15), apenas dois dias depois do encerramento do mundial, no Pavilhão de Exposição do Anhembi, em São Paulo.

Organização da Francal espera receber 60 mil visitantes na edição deste ano
Organização da Francal espera receber 60 mil visitantes na edição deste ano
Foto: Divulgação

De acordo com Abdala Jamil Abdala, presidente do evento, o impacto da Copa foi tão grande no setor que eles preferiram mudar a data de realização da feira. O evento
ocorre tradicionalmente no início de julho, mas este ano foi adiado justamente para fugir da concorrência futebolística. “Durante a abertura da feira, eu brinquei dizendo ‘Feliz 2014’ aos presentes. Na prática é isto o que está acontecendo. Para muitos setores, como o nosso, o ano só está começando agora”, afirma Abdala.

No entanto, a expectativa é que a situação comece a mudar a partir da Francal. E o otimismo em relação ao evento não é em vão. Seus 800 expositores terão a oportunidade de apresentar as coleções de primavera-verão 2014/2015 para 60 mil profissionais ligados ao setor, além de 2 mil compradores internacionais de 70 diferentes países, segundo estimativas da feira.

Para dar um empurrãzinho extra ao setor, a Francal custeou a organização de caravanas de lojistas de 20 municípios paulistas e de outros estados como Minas Gerais, Bahia e Espírito Santo. Além disso, o Sebrae-SP deu seu apoio às micro e pequenas empresas paulistas do setor patrocinando os estandes de 27 pequenos fabricantes de calçados de Franca, Jaú e Birigui.

“Para os empresários, o momento é de apreensão. Apesar das dificuldades, eles estão com muita vontade para mudar isso. E a Francal será uma ótima oportunidade de encontros entre aqueles que atuam nesta área. Este é o melhor momento para se mudar as vitrines e reconquistar a confiança no mercado”, explica Adbala. A feira termina nesta sexta-feira (18).

PrimaPagina

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade