0

Como se comportar durante uma apresentação em público?

Veja como realizar uma apresentação profissional, sem deslizes, cativando seu público e levando sua mensagem corretamente.

26 ago 2019
08h00
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

Speaker! Como vai?

Antes de uma apresentação em público, nas etapas prévias de preparação, quais são suas principais preocupações? Em que você dedica mais tempo?

A maioria dos comunicadores com certeza responderá que a maior preocupação é definir o que falar, correto? E, por isso mesmo, a maior dedicação é para o conteúdo a ser abordado.

A preocupação pelo conteúdo de uma exposição oral é totalmente necessária, afinal, é indispensável definir o tema central e selecionar, a partir dele, as informações que irão compor a nossa fala. No entanto a forma como iremos apresentar esse conteúdo também merece (e muito) a nossa atenção!

Para entender por que isso é assim, basta pensar no comunicador como uma ponte entre o conteúdo a ser transmitido e o público. Se o comunicador não se comportar como deveria, deixando para trás alguns cuidados básicos da comunicação, a mensagem que ele transmitirá não será captada pelo público corretamente ou, ainda, as pessoas da plateia estarão menos abertas a prestar atenção na exposição oral.

Pensando nisso, pergunto: como se comportar durante uma apresentação em público?

É o que veremos neste artigo. Tenha uma boa leitura!

Foto: Shutterstock

Faça contato visual com o seu público

O contato visual com as pessoas da plateia é de suma importância. Através disso, é mais fácil criar um vínculo, ganhando mais confiança e diminuindo a resistência para as ideias que estão sendo apresentadas e defendidas por você.

Passar todo o tempo (ou a maior parte dele) olhando para o papel de anotações, lendo slides ou com a cabeça baixa são erros que podem acontecer devido ao nervosismo, mas que precisam ser evitados, ok?

Saiba gesticular

Saber gesticular é outro aspecto importante de como se comportar em uma apresentação. Nele, o equilíbrio é fundamental. Ou seja, evitar gestos bruscos e exagerados é importantíssimo. Os gestos, assim como tudo que compõe a sua fala, devem acontecer em harmonia com o que está sendo dito.

De forma similar, deixar de gesticular, mantendo as mãos dentro dos bolsos, por exemplo, é um erro.

Tenha uma boa postura

Se buscarmos técnicas para gravações de vídeos, manter uma boa postura aparece com destaque entre elas. Mas não é apenas esse tipo de situação de exposição de fala que demanda uma postura ereta!

Em apresentações em público, o comunicador deve evitar uma postura encurvada, que transmite a sensação de que ele não se importa com o que está dizendo ou, pior ainda, que o tema do qual fala é entediante.

Utilize a sua voz com eficiência

A voz é outro elemento essencial em uma apresentação em público. Ela é uma ferramenta e, por isso mesmo, o comunicador precisa saber utilizá-la da melhor maneira possível.

Encontrar um volume e um ritmo de fala confortáveis e variar o tom de voz são algumas das preocupações do comunicador. Utilizar as pausas (os silêncios) de forma consciente também é. Esses silêncios servem para indicar que um novo assunto será abordado, para aumentar os níveis de emotividade de determinado trecho e, ainda, para que o público possa assimilar o que foi dito antes de que outro assunto apareça.

Interaja com as pessoas da plateia

Interagir com o público é algo que impulsiona significativamente uma apresentação em público! E não é preciso criar planos mirabolantes para isso! Um simples jogo de perguntas e respostas, no qual as pessoas levantam as mãos para respostas afirmativas, já é suficiente.

É importante que o público sinta que faz parte da apresentação e que o encontro não se resume a apenas um repasse de informações, mas, sim, uma troca entre comunicador e plateia.

Não fuja de perguntas!

Seguindo a ideia do tópico anterior, abrir um espaço para perguntas é importante. Embora alguns comunicadores tenham medo desse momento, por receio de não saber alguma resposta ou de que a discussão saia do controle, é necessário que ele exista.

Para diminuir o nervosismo, tenha em mente que você não é obrigado a saber todas as respostas! Também é essencial saber lidar com ouvintes hostis, identificando suas intenções logo de entrada e mantendo a calma para lidar com elas.

Fale com paixão

Busque vídeos com discursos considerados os mais inspiradores da história. O que eles têm em comum? Entre outros aspectos, a paixão com a qual o comunicador transmite a sua mensagem.

Se comportar mostrando que você realmente acredita naquilo que diz e defende é o caminho mais fácil para que as outras pessoas também passem a acreditar em você e em suas palavras!

Dúvidas? Fale com a gente!

 

Fonte:

https://www.thespeaker.com.br/oratoria-guia-completo/

Veja também:

BC corta Selic para 3% ao ano
The Speaker
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade