1 evento ao vivo

União Europeia anuncia tarifas sobre importações americanas

Medida é resposta à decisão de Washington de aumentar encargos sobre aço e alumínio europeu.

6 jun 2018
10h21
atualizado às 10h46
  • separator
  • 0
  • comentários

A União Europeia (UE) anunciou nesta quarta-feira (06/06) que, a partir de julho, vai impor taxas sobre uma série de produtos dos Estados Unidos, em resposta à decisão do presidente americano, Donald Trump, de aumentar as tarifas sobre as importações de aço e alumínio da Europa.

Comissão Europeia planeja inicialmente introduzir tarifas sobre importações americanas no valor de 2,8 bilhões de euros
Comissão Europeia planeja inicialmente introduzir tarifas sobre importações americanas no valor de 2,8 bilhões de euros
Foto: DW / Deutsche Welle

O vice-presidente da Comissão Europeia, Maros Sefcovic, disse que as formalidades para a finalização da lista de produtos devem ser concluídas neste mês e que "as novas tarifas começarão a ser aplicadas a partir de julho". A demora se deve ao fato de a Comissão Europeia precisar consultar os Estados-membros da UE sobre as medidas planejadas.

A Comissão Europeia planeja inicialmente introduzir tarifas sobre importações americanas no valor de 2,8 bilhões de euros, com a possibilidade de estender posteriormente a lista de produtos afetados. Entre as importações listadas, estão produtos agrícolas americanos, como suco de laranja, além de uísque, manteiga de amendoim, calças jeans e motos.

A decisão da União Europeia foi tomada depois que Trump estipulou taxas de importação de 25% sobre o aço e 10% sobre o alumínio para a UE e outros países. Os danos causados pela taxação americana são avaliados em 6,4 bilhões de euros.

No ano passado, a União Europeia exportou cerca de 5,5 milhões de toneladas de aço para os EUA. Siderúrgicas europeias estão preocupadas com a perda de acesso ao mercado americano e com a substituição por aço de outros países.

Nesta terça-feira, também em retaliação às medidas americanas, o México anunciou sobretaxas sobre uma série de produtos americanos, incluindo carne de porco e uísque.

Em março, Trump entrou em negociações e suspendeu temporariamente a aplicação das tarifas sobre os dois itens para uma lista de nações que incluía os países da União Europeia, além de Canadá, México, Coreia do Sul, Austrália e Brasil.

Em 31 de maio, Trump anunciou que iria impor as tarifas de importação para Canadá, México e os países da União Europeia. Brasil, Argentina e Austrália continuam isentos das tarifas de aço, mas o Brasil não aparece na lista dos países que permanecem isentos da de alumínio.

PV/lusa/dpa/ap/abr

Veja também:
 

Mulheres sauditas recebem primeira habilitação para dirigir

 

Deutsche Welle A Deutsche Welle é a emissora internacional da Alemanha e produz jornalismo independente em 30 idiomas.
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade