PUBLICIDADE

Selic a 11,75% ao ano e IPCA em 4,55%; Veja projeções do Boletim Focus desta semana

20 nov 2023 - 09h13
Compartilhar
Exibir comentários

O mercado financeiro manteve a projeção para a taxa básica de juros, a taxa Selic, no final de 2023, mas reduziu a previsão para a inflação oficial, o IPCA, ao final deste ano, pela segunda semana seguida.

Segundo Boletim Focus divulgado nesta segunda-feira (20) pelo Banco Central (BC), a estimativa para a taxa de juros, a Selic, segue em 11,75% ao final deste ano.

De acordo com a pesquisa, para 2024, o mercado espera que a taxa de juros termine em 9,25%, mesma projeção da semana anterior. Já para 2025, a expetativa é de que a Selic chegue a 8,75%, mesma projeção da semana anterior), e em 2026, 8,50%.

Paralelamente, ainda conforme o Focus desta semana, o mercado espera que o IPCA, principal indicador de inflação, termine 2023 em 4,55%, abaixo da projeção da semana passada (4,59%) e também das últimas quatro semanas (4,65%).

Além disso, o mercado financeiro reduziu as suas estimativas do PIB neste ano para 2,85%, ante 2,89% na semana anterior.

No caso do dólar, o mercado financeiro manteve a previsão para 2023 em R$ 5,00. Para o ano que vem, a expectativa recuou para R$ 5,05.

Resumo do Boletim Focus

Veja, em detalhes, as projeções mais importantes para 2023 e 2024:

2023

  • IPCA: a projeção caiu para 4,55%
  • PIB: a projeção caiu para 2,85%
  • Dólar: a previsão do câmbio se manteve em R$ 5,00
  • Taxa Selic: a previsão se manteve em 11,75%
  • Balança Comercial: a expectativa para o superávit subiu para US$ 77,00 bilhões
  • Investimento Estrangeiro Direto: a previsão caiu em US$ 64,71 bilhões
  • Dívida do Setor Público: a previsão subiu para 60,83% do PIB

2024

  • IPCA: a projeção caiu para 3,91%
  • PIB: a projeção se manteve em 1,50%
  • Dólar: a previsão do câmbio caiu para R$ 5,05
  • Taxa Selic: a previsão se manteve em 9,25%
  • Balança Comercial: a expectativa para o superávit subiu para US$ 63,65 bilhões
  • Investimento Estrangeiro Direto: a previsão caiu para US$ 70 bilhões
  • Dívida do Setor Público: a previsão subiu para 63,88% do PIB

A seguir, é possível comparar as últimas projeções do Boletim Focus desde o mês de agosto:

O Boletim Focus é elaborado semanalmente pelo Banco Central. São utilizadas as projeções dos especialistas das 100 principais instituições ligadas ao mercado financeiro do Brasil para juros, IPCA, câmbio, taxa Selic e outros indicadores.

Suno
Compartilhar
TAGS
Publicidade
Seu Terra












Publicidade