PUBLICIDADE

Por coronavírus, Fórum Econômico Mundial suspende evento em São Paulo

É o primeiro grande evento no País a ser adiado por conta do avanço da doença

6 mar 2020 15h49
| atualizado às 21h34
ver comentários
Publicidade

O Comitê executivo do Fórum Econômico Mundial decidiu suspender, por conta do coronavírus, o encontro que seria realizado em São Paulo entre os dias 28 e 30 de abril. "Dada a situação dinâmica relacionada ao coronavírus e após uma cuidadosa avaliação do que isso significa para todos os envolvidos, o Fórum Econômico Mundial e seus parceiros no Brasil concordaram em reagendar essa reunião para uma data posterior", escreveu Marisol Argueta, responsável pela agenda regional para a América Latina do Fórum Econômico Mundial.

Esse é o primeiro anúncio de um grande evento a ser cancelado no Brasil depois de a doença registrar um avanço significativo no País. No total, já são treze casos confirmados, com mais 636 casos suspeitos.

Nesta semana, a empresa que organiza o Salão do Automóvel de São Paulo também anunciou o cancelamento do evento, que ocorreria em novembro, mas isso não teve relação com o coronavírus. Os motivos foram os altos investimentos exigidos das empresas para a participação no evento.

No evento do Fórum Econômico Mundial em São Paulo havia a previsão de abertura de um dos centros para a quarta revolução industrial do Fórum Econômico Mundial, um local dedicado a capacitar pessoas em novas tecnologias, parte do plano da organização para a região. Marisol, ex-chanceler de El Salvador destacou, durante o evento do Fórum em Davos, em janeiro, o trabalho realizado pelo estado de São Paulo para atrair investimentos e criar um "Vale do Sicílio" perto da USP. / Com EFE

Estadão
Publicidade
Publicidade