PUBLICIDADE

Não Caia Nessa

Ex-sargento da FAB é investigada por aplicar golpe do falso consórcio; prejuízo chega a R$ 800 mil

Até o momento, foram detectadas ao menos 49 vítimas no Distrito Federal e em cidades de Goiás

13 mai 2024 - 10h07
(atualizado às 10h33)
Compartilhar
Exibir comentários
Resumo
Uma ex-sargenta da FAB está sendo investigada por suspeita de estelionato em DF e Goiás, a soma dos prejuízos chega a R$ 800 mil.
Foto: Reprodução/TV Anhanguera

Uma ex-sargenta da Força Aérea Brasileira (FAB) está sendo investigada por estelionato, suspeita de aplicar golpes do falso consórcio no Distrito Federal e em Goiás. Foram detectadas ao menos 49 vítimas até o momento, e a soma dos prejuízos chega a R$ 800 mil.

Segundo informações da TV Anhanguera, a mulher abordava pessoas conhecidas com uma proposta para venda de um falso consórcio de carros ou de imóveis. Ela pedia uma quantia e dizia que, em determinado prazo, a pessoa receberia de volta um grande lucro.

Ainda de acordo com a emissora, há um grupo com 45 pessoas que dizem ter caído no golpe, nas cidades de Valparaíso e Luziânia. Também existem outros quatro casos em andamento na Justiça, em que a soma do dinheiro perdido pelas vítimas é de R$ 33 mil.

Além dessas cidades, há relatos de vítimas no DF, Anápolis e Goiânia. Um cinegrafista da afiliada da Rede Globo chegou, inclusive, a receber uma proposta da ex-sargento, que era conhecida dele.

"Tenho uma carta para comprar o ágio que custa R$ 10 mil. Preciso de uma pessoa para comprar comigo, cada uma paga R$ 5 mil e eu vendo ela por R$ 16 mil. Em 10 dias, cada uma lucra R$ 3 mil", diz uma das ofertas feitas pela mulher.

Em outra troca de mensagens, a ex-sargenta promete que a pessoa irá ficar rica. "Amanhã no máximo terça tá rico kkk. Tem mais R$ 2 mil aí? Ganha mais R$ 500 até terça", afirma.

A emissora também mostrou a resposta de uma das vítimas. Desesperada, a pessoa pergunta sobre o dinheiro. "Pelo amor de Deus, nem dormi essa noite. Você disse que o dinheiro estava na conta, por favor me passa a grana. Eu tirei dinheiro de onde não poderia ter tirado porque você me garantiu que até terça você me pagaria", diz a mensagem.

Engomadinho do Bitcoin: quem é o homem que aplicou golpe no Comando Vermelho  Engomadinho do Bitcoin: quem é o homem que aplicou golpe no Comando Vermelho

Fonte: Redação Terra
Compartilhar
Publicidade
Seu Terra












Publicidade