1 evento ao vivo

Farei ajuste em relatório da Previdência, diz Moreira

Moreira garantiu que manterá os pilares principais da reforma, como a idade mínima

19 jun 2019
16h11
atualizado às 16h28
  • separator
  • comentários

O relator da reforma da Previdência na Câmara, Samuel Moreira (PSDB-SP), afirmou nesta quarta-feira, 19, que irá fazer complementações ao seu relatório e que apresentará as modificações na semana que vem, quando a comissão especial que debate a proposta deverá votar o parecer.

Moreira garantiu que manterá os pilares principais da reforma, como a idade mínima. "Vamos fazer apenas alguns ajustes para corrigir distorções apontadas pelos deputados. Mas já posso dizer que, a princípio, não vou mexer nas regras do abono porque nosso relatório melhorou essa parte em relação à proposta do governo", disse.

Relator da reforma na Comissão Especial da Câmara, o deputado Samuel Moreira apresentou seu parecer nesta quinta-feira,13.
Relator da reforma na Comissão Especial da Câmara, o deputado Samuel Moreira apresentou seu parecer nesta quinta-feira,13.
Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil / Estadão Conteúdo

O relator não quis, no entanto, adiantar quais outras mudanças acatará em seu parecer. "Estamos empenhados em melhorar um pouco mais o relatório, pretendemos que ele passe na comissão", disse.

O presidente da comissão especial, Marcelo Ramos (PL-AM), afirmou que o colegiado está cumprindo todos os prazos estabelecidos e que deve votar o parecer até o fim de junho. Ele não quis, no entanto, confirmar em que dia será possível votá-lo, mas disse acreditar que os debates possam ser encerrados até a próxima terça. "Acredito que conseguiremos votar na próxima semana", disse.

Ramos também disse que há "um apoio tranquilo" na comissão especial para aprovar a reforma, mas que os líderes precisam ainda de mais mobilização para garantir a aprovação do tema no plenário da Casa. "Termômetro na comissão é por maioria para aprovação", disse.

Estadão
  • separator
  • comentários
publicidade