PUBLICIDADE

Ela largou o emprego para empreender aos 52 anos. Hoje, aos 92 anos, é uma das mulheres mais ricas dos EUA

Referências na gestão financeira, Joan Payden tem um patrimônio líquido de R$ 3,7 bilhões

18 jun 2024 - 05h00
Compartilhar
Exibir comentários
construiu uma das maiores empresas de gestão de recursos americanas, com R$ 869 bilhões em ativos.
construiu uma das maiores empresas de gestão de recursos americanas, com R$ 869 bilhões em ativos.
Foto: Getty Images

Joan Payden, aos 92 anos, é uma das mulheres mais ricas dos Estados Unidos, segundo a Forbes. Com um patrimônio líquido estimado em US$ 700 milhões (R$ 3,7 bilhões, na cotação atual), a norte-americana gere uma das maiores empresas de gestão de ativos do mundo, a Payden & Rygel. Embora possua hoje uma grande fortuna, o caminho de Payden para o sucesso durou várias décadas.

Apesar de ter nascido em Derby, Connecticut, em 1931, Payden passou grande parte de sua adolescência em Jacarta, na Indonésia, devido ao trabalho de seu pai, um engenheiro e piloto da Primeira Guerra Mundial, que trabalhava para a Union Carbide. Depois de quase uma década naquele país, a família retornou aos Estados Unidos, permitindo que Payden terminasse os estudos do ensino médio em Nova York.

A jovem frequentou o Trinity College em Washington, D.C., graduando-se em 1953 com dupla graduação em matemática e física. Sua primeira experiência profissional foi como engenheira em uma empresa de construção de refinaria de petróleo em Nova Jersey, onde havia apenas quatro mulheres entre 600 engenheiros. No entanto, ela foi demitida após três anos, juntamente com 300 colegas, em um grande corte de pessoal.

Aproveitando os seus conhecimentos em matemática, ela começou a trabalhar como associada júnior na Merrill Lynch. Dois anos depois, mudou-se para Los Angeles para ingressar na Scudder, Stevens & Clark, uma prestigiada gestora de investimentos onde se especializou em renda fixa. Com talento e dedicação, Payden se tornou a primeira mulher sócia do escritório

Carreira solo

Com habilidades e vocação para empreender, em 1983, aos 52 anos, Payden renunciou ao cargo no escritório, esvaziou seu 401(k) (um plano de compensação trabalhista) e, com a colega Sandra Rygel, fundou a Payden & Rygel.

Ao longo de quatro décadas, a empresa cresceu e administra US$ 162 bilhões (R$ 869 bilhões), com escritórios em Los Angeles, Boston, Londres e Milão 

A Payden & Rygel consolidou-se rapidamente, administrando US$ 2 bilhões em ativos poucos anos após sua fundação. A empresa tem se destacado por sua estratégia global e produtos de renda fixa.

Saiba quem são as celebridades mais ricas do mundo Saiba quem são as celebridades mais ricas do mundo

Fonte: Redação Terra
Compartilhar
TAGS
Publicidade
Seu Terra












Publicidade