0

Seis dicas para não cair em frias na Black Friday

Pesquisar preços antes do período de descontos e verificar a procedência dos sites garantem compras mais seguras

  • separator
  • 0
  • comentários

A Black Friday deste ano é aposta de bons resultados dos dois lados do balcão: enquanto os clientes esperam a data para comprar produtos com descontos que podem chegar a 80% do valor original, a expectativa de lojistas é utilizar os preços mais em conta como atrativo para minimizar o cenário difícil do varejo brasileiro.
 
Cerca de 80% dos consumidores online pretendem comprar na data que este ano ocorre no dia 27 de novembro, segundo pesquisa divulgada pela E-bit/Buscapé. A Associação Brasileira de Comércio Eletrônico (ABComm) estima que a edição 2015 da Black Friday deve ter faturamento de R$ 1,31 bilhão, alta de 18% em relação ao ano passado.
 
A tradicional prática norte-americana de oferecer descontos na sexta-feira depois do feriado de Ação de Graças foi incorporada pelo comércio brasileiro há alguns anos, e de forma cada vez mais competitiva. Algumas lojas planejam seus estoques para começar as vendas com descontos já no início do mês. Outros sites prometem preços mais baixos durante uma semana. Confira algumas dicas para aproveitar os preços sem cair em frias:
 
1 – Pesquise preços antes da data e em vários sites
Para saber se um item está mesmo com desconto, pesquise os preços nas lojas online antes da Black Friday, ou do período em que serão oferecidos os descontos. Assim, você poderá ter uma base de comparação real dos preços. Lojas fraudulentas podem anunciar itens com desconto sem alterar o valor dos produtos. Lembre-se também de calcular o frete da entrega para saber se a compra vai sair mesmo mais barata.
 
2 – Tenha uma ideia do que pretende comprar
Para não se tornar uma armadilha, a Black Friday deve ser aproveitada como uma oportunidade de adquirir aquele produto que você está de olho há algum tempo, e agora vai encontrar por um preço menor. É claro que você pode se deparar com itens com preços extremamente atrativos e que valham a pena comprar. Apenas se certifique de que eles estão dentro do seu orçamento.
 
3 – Direitos do consumidor também valem na Black Friday
O Código de Defesa do Consumidor é aplicável nas compras feitas pela internet, e obrigatório quando o cliente e o fornecedor estiverem estabelecidos no Brasil. Caso o produto entregue não seja o prometido, você pode solicitar a troca ou reposição do item. O cliente também pode se arrepender da compra. Nestes casos, o consumidor tem até sete dias a partir do recebimento da mercadoria para solicitar a devolução da quantia paga e devolver o produto.

 Pesquisar preços em várias lojas antes do período de descontos é uma das dicas para não cair em armadilhas nos sites
Pesquisar preços em várias lojas antes do período de descontos é uma das dicas para não cair em armadilhas nos sites
Foto: A. and I. Kruk/Shutterstock


 
4 – Leia o site e fale com a empresa
Muitas dúvidas podem ser esclarecidas com uma leitura atenta do site. Nele podem estar listadas informações como a política de troca e devolução de produtos, prazos de entrega, formas de pagamento, entre outras. Você também pode entrar em contato com a loja previamente, para tirar dúvidas antes da compra. Pode ser que devido ao grande volume de consumidores buscando atendimento durante a Black Friday você tenha que esperar um pouco para obter uma resposta, mas, de qualquer maneira, a empresa tem a obrigação de esclarecer dúvidas e prestar atendimento.
 
5 – Guarde recibos, emails, notas fiscais e documentos referentes à compra
Guarde todos os dados da compra. Nome do site, o que adquiriu, valor, forma de pagamento, número de protocolo da compra ou do pedido, confirmação do pedido, e-mails que comprovem a compra, tudo pode e deve ser guardado, seja em meio eletrônico ou impresso. E, muito importante, exija nota fiscal. Se você tiver qualquer problema durante a compra ou mesmo com o produto, será muito mais fácil comprovar a transação e resolver o empecilho.
 
6 – Fuja dos horários de pico e não perca tempo
Quando encontrar um produto que você tem interesse, não perca tempo. Como há muito tráfego nos sites durante a promoção, você corre o risco de perder os estoques. Esse é outro motivo pelo qual planejar é tão importante: já sabendo o que você quer e o quanto pretende gastar, terá mais tempo de encontrar a promoção de seu interesse. Da mesma forma, evite os horários de pico, que costumam ser meia-noite, meio-dia e após as 18h. Assim, a chance de você enfrentar sites congestionados ou problemas para concluir a compra é muito menor.

Fonte: Canarinho Press
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade