PUBLICIDADE

Reality Shows

Patrocínio Logo do patrocinador

Ex-amiga expõe Jenny e pedido para "queimar" Bia Miranda em A Fazenda

5 out 2023 - 15h07
Compartilhar
Exibir comentários

A relação conturbada entre Jenny Miranda, participante de "A Fazenda 15", e a filha, Bia Miranda, vice-campeã da última edição do reality, vai muito além do que as pessoas podem imaginar. Em conversa exclusiva com a colunista Mariana Morais,do Correio Braziliense, Andreia Costa, ex-amiga e ex-vizinha de Jenny e Bia no bairro Santa Cruz, na Zona Oeste do Rio, contou que foi surpreendida com um pedido da amiga quando Bia ainda estava confinada na Fazenda.

Foto: Reprodução/ Instagram / The Music Journal

"Ela queria que eu detonasse a Bia nas redes sociais. Só que eu sempre aconselhei as duas a se darem bem. E ela ficava me pedindo para procurar repórteres para poder queimar a Bia. Eu não ia fazer isso. Sei que a Bia é uma menina boa e trabalhadora", diz Andreia.

Além disso, a técnica de enfermagem conta, ainda, que além dos pedidos para manchar a imagem de Bia, Jenny também pedia para que ela a defendesse das acusações da jovem. "Ela queria que eu falasse com algum repórter que ela era uma ótima mãe. E eu não fiz isso, porque ela não era".

Andreia afirma que Jenny expulsou Bia de casa diversas vezes: "Saía daqui, deixava a menina sozinha, à própria sorte. Ou então brigava e expulsava a Bia de casa. A Bia ficava pelas casas dos outros e até dormindo na minha casa também", lembra.

Por fim, a ex-amiga da participante afirma não ter engolido os ataques de Jenny contra a peoa Jaquelline, nos quais ela dizia que Jaque era "uma vergonha como mãe". "Só tenho a dizer coisas boas a dizer da Bia. Já dessa senhora… Eu me senti muito mal com o que ela falou com a Jaquelline, sobre ser uma vergonha como mãe. Incacreditável", finaliza.

Em "A Fazenda", Jenny Miranda já disse que quando sair vai procurar a filha para conversar e tentar fazer as pazes. "Ela vai ter que me ouvir. Vai ter que me ver. Eu sou a mãe dela. Ela tem que me respeitar, primeiramente. Depois, se ela quiser, vai seguir a vida dela. Eu vou estar sempre de braços abertos pra ela. Eu não tenho mágoa de nada. Acabou, passou", disse ela em conversa com Kally Fonseca.

The Music Journal The Music Journal Brazil
Compartilhar
Publicidade
Publicidade