PUBLICIDADE

Equipe de Conká faz textão para tentar salvar a imagem dela

Ataques à reputação da rapper confinada no ‘BBB21’ se multiplicam a cada dia

4 fev 2021 12h15
| atualizado às 16h31
ver comentários
Publicidade

Na era do tribunal da internet, onde há sadismo no julgar e condenar ao cancelamento eterno, administrar uma crise de imagem é tarefa hercúlea. Imagine a tensão vivida nos últimos dias pelos assessores de Karol Conká, a grande vilã desse início da 21ª edição do 'Big Brother Brasil'. A cantora virou alvo fácil de ‘tiro, porrada e bomba’ nas redes sociais e aplicativos de vídeos e mensagens.

Todos contra Karol: o ‘BBB21’ serviu de gatilho para uma espécie de ‘vingança coletiva’ contra a cantora
Todos contra Karol: o ‘BBB21’ serviu de gatilho para uma espécie de ‘vingança coletiva’ contra a cantora
Foto: Sala de TV

Não bastasse o comportamento tóxico na casa, reprovado com veemência por quem assiste ao reality show e pela maioria da imprensa, Conká despertou o ressentimento adormecido de inúmeras pessoas que afirmam ter sido destratadas por ela em algum momento.

Há relatos contundentes no Facebook, Instagram, Twitter e TikTok. Tem mais: resgataram trechos de entrevistas na TV nas quais a rapper se mostra arrogante e narcisista. Uma tempestade perfeita capaz de arruinar a carreira bem-sucedida da artista ativista.

Na ‘rede social do passarinho’, como diz Tiago Leifert, a equipe de Conká postou um textão. Houve acerto ao admitir os erros da cantora no trato com outros competidores do ‘BBB’. O post apresenta ainda reflexão coerente a respeito dos excessos contra Karol aqui fora, como manifestações explícitas de ódio e incitações à violência. O blog reproduz a íntegra, inclusive com os erros gramaticais e ortográficos:

“Bora bater um papo?! Sabemos que o BBB é uns dos programas que mais geram comoção nas pessoas, e consequentemente o sentimento de amor e ódio é também exponenciado. Alias, produtos narrativos que envolvem espectadores, possuem um grande poder de gerar debates no mundo real.

Como, por exemplo, novelas da Globo que tratam de temas sociais importantes, podemos citar Mulheres Apaixonadas que tinha uma personagem que apanhava do marido e em consequência aumentou muito as denúncias contra a violência.

 O BBB gera também debates extremamente importantes para nossa sociedade, pois o assunto é discutido com uma enorme visibilidade e audiência. Há de fato uma responsabilidade social ao entrar na casa. 

Portanto, é normal o público amar e detestar o participante perante as suas atitudes, falas e posicionamentos dentro do jogo. Julgamos os participantes, mudando de opinião e de favs a cada fato novo. O problema começa quando isso ocorre de forma indiscriminada em nossa sociedade. 

Por isso, o nosso papel aqui é falar sobre a Karol Conka e o seu momento no BBB. É compreensível toda a revolta por suas falas, ações e pelo modo como tem se posicionado, no entanto isso está ultrapassando todos os limites de um cancelamento também. 

Em um tsunami de situações, o ódio está evidente, são chuvas de ataques desproporcionais que até então não vimos com quase nenhum participantes de edições passadas, que tiveram erros pesados tanto quanto a Karol Conka, diga-se de passagem. 

São direcionadas a Karol Conka ameaças, agressões físicas, xingamentos e até mentiras de falas que não existiram em perfis do Twitter que querem ganhar like ... 

Esquecemos o quanto a fragilidade da figura da Karol Conka, uma mulher preta, mãe solteira e pioneira da cena do rap feminino brasileiro, acaba tendo. É momento de refletir também porque uma mulher preta é tão facilmente odiada por não ser a pessoa perfeita.

Não que sua identidade seja motivo para esconder seus erros, não estamos aqui pra isso, mas que chegamos a questionar o que pode haver também por trás de tanto ódio e anseio por destruir alguém de forma inédita se comparada a participantes das edições do programa.

Nós que administramos as redes sociais da Karol Conka, estamos chocados que as coisas estão indo muito além do BBB. Transformando ela no pior inimigo que tem no país. Essa política do cancelamento não chega nem perto de ser saudável, nem a solução para quem a recebe. 

Ela, certamente, aprenderá muito com seus erros quando sair do programa, mas fica a preocupação se os ataques à ela revelam, na verdade, uma faceta do próprio ódio que viralizou em nossa sociedade. Fica aí também essa reflexão!”.

Sala de TV Blog Sala de TV - Todo o conteúdo (textos, ilustrações, áudios, fotos, gráficos, arquivos etc.) deste blog é de responsabilidade do blogueiro que o assina. A responsabilidade por todos os conteúdos aqui publicados, bem como pela obtenção de todas as autorizações e licenças necessárias, é exclusiva do blogueiro. Qualquer dúvida ou reclamação, favor contatá-lo diretamente no e-mail beniciojeff@gmail.com.
Publicidade
Publicidade