0

Harry e Meghan se casarão na Capela São Jorge, em Windsor

28 nov 2017
14h50
atualizado às 19h52
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

O casamento do príncipe britânico Harry e sua noiva, Meghan Markle, acontecerá em maio na Capela de São Jorge, em Windsor, disse o porta-voz do príncipe nesta terça-feira 28.

Príncipe Harry posa com Meghan Markle em Kensington Palace, Londres
  27/11/2017     REUTERS/Toby Melville
Príncipe Harry posa com Meghan Markle em Kensington Palace, Londres 27/11/2017 REUTERS/Toby Melville
Foto: Reuters

O quinto na linha sucessória para o trono britânico e a atriz norte-americana anunciaram o noivado na segunda-feira, desencadeando um frenesi midiático dos dois lados do Atlântico.

Seu primeiro compromisso oficial juntos será em Nottingham, cidade do centro da Inglaterra, na sexta-feira.

A rainha Elizabeth, avó de 91 anos de Harry, comparecerá à cerimônia de casamento do ano que vem, informou o porta-voz aos repórteres no Palácio de Buckingham.

Meghan será batizada e confirmada antes do casamento e pretende se tornar cidadã britânica, mas preservará a cidadania norte-americana.

O porta-voz disse que Harry e Meghan decidiram se casar em Windsor por ser "um lugar especial para eles".   

"O casamento será um momento de diversão e alegria e reflete as personalidades da noiva e do noivo", disse.

A Capela de São Jorge, de estilo gótico e localizada na propriedade do Castelo de Windsor, a oeste de Londres, está intimamente associada à história da realeza há séculos.

Dentro da capela estão as tumbas de dez soberanos, como Henrique 8o e sua terceira esposa, Jane Seymour, e Charles primeiro.

Mais recentemente ela foi o cenário do casamento do tio de Harry, príncipe Edward, com Sophie Rhys-Jones em 1999, e de um serviço de prece e homenagem ao casamento do pai de Harry, príncipe Charles, com Camilla Parker Bowles em 2005.

Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade