0

Hits do Aerosmith e som pesado são destaques no quarto dia

22 set 2017
09h15
atualizado às 09h32
  • separator
  • 0
  • comentários

No quarto dia de Rock in Rio, nessa quinta-feira (21), o Aerosmith subiu ao palco Mundo para uma apresentação recheada de sucessos. Com um Steven Tyler animado, a banda norte-americana cantou hits como 'Let the music' e embalou o público com baladas românticas como 'Cryin’, 'Crazy' e 'I Don't Want to Miss a Thing', música-tema do filme 'Armageddon', que empolgou quem assistia ao show.  O vocalista surpreendeu os visitantes da Cidade do Rock ao tocar 'Come Together' dos Beatles e ao assumir o piano para o clássico 'Dream On', penúltima música da apresentação que terminou com 'Walk This Way'.

Steven Tyler comandou o Aerosmith no principal show do Rock in Rio na noite dessa quinta-feira, embalando os vários hits da banda como 'Dream On', 'Cryin' e 'Crazy'.
Steven Tyler comandou o Aerosmith no principal show do Rock in Rio na noite dessa quinta-feira, embalando os vários hits da banda como 'Dream On', 'Cryin' e 'Crazy'.
Foto: Fernando Schlaepfer/I Hate Flash/Divulgação

O rockeiro americano Alice Cooper apresentou um verdadeiro espetáculo de música e pirotecnia no palco Sunset. O show que fechou a noite do espaço levou o público ao delírio com a performance do cantor que, aos 69 anos, esbanjou vitalidade e brindou o público com músicas de outras grandes bandas. "O show foi perfeito! O cara com quase 70 anos tem mais força que eu. Vim para ver o Aerosmith e já estou feliz com esse show do Alice Cooper", disse Henrique Brandão. E não foi só a aparição do cantor transformado em 'Feed my Frankstein' que surpreendeu o público. Nas músicas 'House of Fire' e 'Another Brick in the Wall', Alice teve a companhia de Joe Perry, guitarrista do Aerosmith. "É muita personalidade. Já tinha visto apresentações na internet, mas ao vivo foi surpreendente. Saio ainda mais fã. Vi na minha frente lendas do rock", comentou Cássio Dias, morador de São Paulo.

Palco Mundo

Quem abriu os trabalhos no Palco Mundo foi a banda Scalene. O público se empolgou com os hits 'Surreal' e 'Amanheceu'. A banda de Brasília, formada em 2009, com influências de Queens of Stone Age, Radiohead, O'Brother e Thrice, trouxe um repertório todo autoral.

A banda Scalene, de Brasília, foi o representante do rock nacional no Palco Mundo.
A banda Scalene, de Brasília, foi o representante do rock nacional no Palco Mundo.
Foto: Paixão/I Hate Flash/Divulgação

A apresentação do Fall Out Boy, no mesmo palco, foi repleta de hits da banda e agradou ao público presente no Rock in Rio. Para o fã Hugo Mindone, de 38 anos, a música 'Dance, dance' era a mais esperada. "Estava louco para ouvir essa música. Falei para meus amigos que valia muito a pena vir hoje. Adorei conhecer essa nova Cidade do Rock", afirmou Hugo, que estreou de férias no trabalho, e veio e Ribeirão Preto para o Rio. Entre as músicas do Fall Out Boy, 'Sugar, We're Going Down' foi a mais acompanhada pelos fãs. 'Thnks fr th Mmrs' também mexeu com o público.

O Fall Out Boy levou um pouco do som punk para o Rock in Rio e fez o público pular no Palco Mundo.
O Fall Out Boy levou um pouco do som punk para o Rock in Rio e fez o público pular no Palco Mundo.
Foto: Lucassa/I Hate Flash/Divulgação

O Def Leppard fez a penúltima apresentação no palco Mundo e presenteou o público com seus principais sucessos. Aos 60 anos, Phill Collen tocou o tempo inteiro sem camisa. Imagens históricas da banda foram exibidas nos telões durante o show. Entre as músicas que mais mexeram com o público 'Rock of Ages' e 'Pour Some Sugar On Me' foram destaques. "Impressionante a forma desses caras. Estão na estrada há tanto tempo e não perderam a forma de tocar", disse Carlos Sampaio, que garantiu ser fã da Def Leppard há mais de 25 anos. O mineiro Guilherme de Paula, que enalteceu a qualidade da música e do show. "Só estando aqui para sentir a música. É o rock da mais pura qualidade. Arte nas guitarras", comentou.

Mesmo com 40 anos na estrada, o Def Leppard ainda apresenta um rock 'n roll clássico com muita empolgação e fez a festa do público mais veterano do Rock in Rio.
Mesmo com 40 anos na estrada, o Def Leppard ainda apresenta um rock 'n roll clássico com muita empolgação e fez a festa do público mais veterano do Rock in Rio.
Foto: Paixão/I Hate Flash/Divulgação

 

Fonte: Equipe portal
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade