PUBLICIDADE

Andrezinho lamenta proibição do uso da marca Molejo: "Dá uma tristeza"

Os integrantes do Molejo devem se reunir com os herdeiros de Anderson Leonardo para resolver o imbróglio

13 jun 2024 - 07h35
Compartilhar
Exibir comentários
Foto: Instagram/Molejo / Pipoca Moderna

Andrezinho, um dos integrantes do Molejo, lamentou as polêmicas que envolvem o uso do nome da banda. Em entrevista à Quem, o músico deu novos detalhes sobre o impasse que ainda será resolvido na Justiça.

A confusão começou depois que os músicos notificaram a empresa Molejo Produções e Evento que não têm mais interesse nos serviços dos herdeiros de Anderson Leonardo (1972-2024). "Os advogados estão cuidando das coisas. Dá uma tristeza por causa do trabalho. Mas a gente continua, vamos seguindo", disse Andrezinho.

"Na realidade, são todos sobrinhos, temos que resolver da melhor forma para todo mundo. É tudo família e família é assim mesmo, faz parte. As pessoas têm que se falar para resolver, mas vai dar tudo certo. Vai ficar tudo bem, se Deus quiser. Até porque, como eu disse, são todos nossos sobrinhos e tudo foi feito e idealizado por nós", completou ele.

E tem mais…

O interesse da família de Anderson em cumprir seus últimos desesjos tem sido outro tópico complicado. Os herdeiros querem escalar o filho do cantor, Leo Bradock, como o novo vocalista do Molejo. Porém, os músicos não querem mais envolvimento nenhum com a empresa, que seria responsável por gerenciá-lo.

Segundo o advogado Eduardo Mello, que representa os filhos do cantor, a recusa de Leozinho como vocalista "causou grande espanto e consternação aos herdeiros, que viram um gesto de afronta direta ao último desejo de Anderson".

Pipoca Moderna Pipoca Moderna
Compartilhar
Publicidade
Seu Terra












Publicidade