PUBLICIDADE

Lady Di celebraria 60 primaveras; relembre algumas curiosidades

Morta aos 36 anos após um acidente de carro em Paris, Diana é lembrada até hoje

1 jul 2021 12h59
ver comentários
Publicidade
A Princesa se tornou referência em moda, caridade e carisma.
A Princesa se tornou referência em moda, caridade e carisma.
Foto: Shutterstock / Famosos e Celebridades

Morta aos 36 anos, vítima de acidente de carro no fim de agosto de 1977, a Princesa Diana, completaria 60 primaveras nesta quinta-feira (1). Para celebrar o seu nascimento, uma estátua da, também conhecida "Princesa do Povo", será instalada no Palácio de Kensignton, em Londres, de acordo com o site MetroUK. 

Primeira esposa do Príncipe Charles e com vida breve, a mãe dos príncipes William e Harry ainda hoje ocupa um espaço de grande reconhecimento entre as pessoas mais admiradas ao redor do mundo. Principalmente quando o assunto é moda, carisma e caridade. Sem falar, é claro, no que diz respeito à quebra de regras da realeza britânica e empenho no combate à AIDS, por exemplo.

Lady Di celebraria 60 anos nesta quinta-feira (1).
Lady Di celebraria 60 anos nesta quinta-feira (1).
Foto: Divulgação / Famosos e Celebridades

Para celebrar a data, o Famosos e Celebridades separou 5 curiosidades de Lady Di para você acompanhar. 

Casamento com Príncipe Charles

Os dois se conheceram quando Diana tinha 18 anos. Ela era irmã de Lady Sarah Spencer, com quem o príncipe teve um breve romance. Em 29 de julho de 1981, o casal oficializou a união, que se tornou recordista de audiência dentro da coroa britânica. Para se ter uma ideia, o alcance foi de 750 milhões de pessoas em mais de 70 países. Apesar disso, o casamento foi marcado por escândalos, traições e acabou em 1992. 

Os dois se casaram em 1981. Shutterstock
Os dois se casaram em 1981. Shutterstock
Foto: Famosos e Celebridades

Bulimia 

Na série The Crown, disponível na Netflix, especificamente antes do terceiro episódio da 4ª temporada, um aviso toma conta da tela, anunciando que as cenas retratando os distúrbios alimentares da princesa, poderiam ser gatilho para algumas pessoas. Relatos de Lady Di serviram como alerta para pessoas com a mesma doença.

Apoio às instituições de caridade

Fortemente conhecida pelo seu lado empático e voluntário, Diana assistia à causa da International Campaign to Ban Landmines - uma campanha em luta para banir minas terrestres, que venceu o Prêmio Nobel da Paz. Além disso, também foi responsável por ajudar a desmistificar o vírus da Aids. 

Leiloou o guarda-roupa em prol de fundos para caridade

É impossível negar que os looks usados por Lady Di deixam os olhos das fashionistas brilhando, né? Até hoje ela motivo de inspiração para muitas. Vale lembrar que, dois meses antes de sua morte, ela disponibilizou um leilão com alguns de seus vestidos icônicos para arrecadar funfos para as instituições Royal Marsden Hospital Cancer Fund e AIDS Crisis Trust, que trabalham no combate ao câncer de mama e à Aids. 

Até hoje os looks de Lady Di inspiram as fashionistas de plantão.
Até hoje os looks de Lady Di inspiram as fashionistas de plantão.
Foto: Twitter/Reprodução  / Famosos e Celebridades

Disney, aí vamos nós!

E para fechar a listinha, vamos falar sobre o lado mamãe! Sempre muito protetora, Lady Di além de levar os filhos à escola ou para comer no McDonal's, por exemplo, também foi a primeira princesa a levá-los para o Walt Disney World, na Flórida, nos EUA. Segundo o Duque de Cambridge, ela "sempre tentava viver uma vida normal". Ah, e engana-se quem pensa que a viagem era cheia de regalias e coisas do tipo. Nada disso, a família esperava nas filas das atrações como todos os outros turistas.

Famosos e Celebridades
Publicidade
Publicidade