4 eventos ao vivo

Máquina Mortífera: Clayne Crawford pede desculpas após comportamento abusivo que ameaça o futuro da série

Supostos problemas no set incluíram brigas com Damon Wayans, ataques de fúria e pessoas machucadas durante as gravações.

25 abr 2018
14h53
atualizado às 17h38
  • separator
  • comentários

O clima está pesado nas filmagens de Máquina Mortífera. Diversos portais da imprensa norte-americana afirmam que o futuro da série segue indefinido por causa do péssimo comportamento do protagonista Clayne Crawford nas gravações. Tanto que a Warner Bros. estaria cogitando o cancelamento da atração.

Foto: AdoroCinema / AdoroCinema

Segundo o Deadline, o ator é alvo de diversas reclamações sobre comportamento abusivo e por criação de um ambiente hóstil nas filmagens, tanto que parte da equipe se sente desconfortável perto dele. O primeiro incidente teria acontecido durante uma cena emocional entre Crawford e um ator convidado. Incomodado com um barulho vizinho, ele teria gritado com a equipe. Logo após, um diretor pediu demissão após finalizar um episódio, por conta de uma discussão com Clayne durante uma sequência de ação.

Já outro problema teria acontecido quando Crawford assumiu a cadeira de direção, num episódio onde um ator sofreu um leve ferimento. Aparentemente, Clayne teve uma discussão com seu coprotagonista Damon Wayans, após o segundo pedir limitações durante as filmagens de uma cena de ação, por questões de segurança e por sua saúde, que estava debilitada naquela semana. Rumores apontam que os dois não se falam até hoje.

Depois de tais informações chegarem à imprensa, Clayne Crawford usou suas redes sociais para esclarecer o ocorrido. Apesar de não citar detalhes específicos ou nomes de pessoas envolvidas nos incidentes, ele pediu desculpas por seu comportamento no set e agradeceu a oportunidade de estrelar Lethal Weapon. Resta saber se isso será o suficiente para garantir o futuro do show - exibido no Brasil pelo canal Warner.

Forgive my delayed response. #truth

Uma publicação compartilhada por Clayne Crawford (@claynecrawford) em

Confira a tradução da declaração de Crawford abaixo:

"É verdade que fui repreendido duas vezes durante a última temporada de Máquina Mortífera. A primeira vez foi porque reagi com raiva diante de condições de trabalho, as quais não considerei seguras ou adequadas com o bom trabalho apresentado por um diretor convidado e um assistente de direção que, por sua vez, ficaram com raiva de minha resposta. Me encontrei com o pessoal do Recursos Humanos, pedi desculpas pela minha parte do conflito e fiz terapia. Ainda dividi parte de meu pagamento com uma das pessoas envolvidas, por recomendação do estúdio. A segunda aconteceu durante um episódio que dirigi. Um ator no set se sentiu inseguro, pois foi atingido por um estilhaço. Foi algo triste que aconteceu, apesar de todas as precauções e procedimentos tomados. Eu assumo a responsabilidade pelo incidente, pois era o responsável pelo set.

Eu, absolutamente, amo, respeito e me importo com minha equipe e nunca teria a intenção de arriscar tantos trabalhos. Além disso, amo o processo de fazer filmes e TV. Aprecio e respeito o trabalho de todos os envolvidos. Sinto muito se minha paixão fez alguém se sentir menos que confortável em nosso set ou menos que celebrado por seu esforço. Por fim, eu peço desculpas para todo mundo da equipe e do elenco, por conta da atenção negativa que Máquina Mortífera está recebendo por causa desses incidentes.

Tenho muito orgulho em tratar todo mundo com dignidade e gentileza. Estou muito grato pelo meu trabalho e me esforço nele. Sinto responsabilidade de fazer algo bom pelos meus colegas, pela minha família, meu lar e, especialmente, para os meus fãs. Espero que eles sigam apoiando, tanto a mim, como ao show."

AdoroCinema

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade