PUBLICIDADE

Avaliação: Chevrolet Equinox RS brilha no conforto ao dirigir

Equipada com motor 1.5 turbo de 172 cv, versão com design esportivo é mais barata e tem suspensão regulada para o conforto

18 jun 2022 09h39
ver comentários
Publicidade
Chevrolet Equinox RS 1.5 Turbo
Chevrolet Equinox RS 1.5 Turbo
Foto: Sergio Quintanilha / Guia do Carro

Por pouco mais de R$ 200 mil é possível entrar na linha Chevrolet Equinox 2023 e levar para casa um SUV com surpreendente conforto ao dirigir. Para além de entregar um desempenho vigoroso nas acelerações e retomadas de velocidade, o Chevrolet Equinox conquista pela maciez que oferece em sua condução, sem que isso resulte num carro desequilibrado. 

Rodamos uma semana com a versão RS (ainda modelo 2022), com design mais esportivo, que custa R$ 204.990 e tem tração dianteira. Por R$ 17 mil a mais a GM oferece o Chevrolet Equinox Premier, que tem tração integral sob demanda e custa R$ 221.990.

Chevrolet Equinox RS 1.5 Turbo
Chevrolet Equinox RS 1.5 Turbo
Foto: Sergio Quintanilha / Guia do Carro

O Equinox não se ressente da falta de tração traseira. Tanto para uso urbano quanto para rodar na estrada, o Equinox RS rapidamente conquista o motorista pela excelente posição de dirigir. Os bancos envolvem o corpo do motorista, que tem à disposição ajustes de altura e profundidade do volante, bem como uma visualização muito boa dos instrumentos.

O acesso e a operação da multimídia My Link de “ também são bons. Android Auto ou Apple CarPlay são conectados sem cabo e de forma rápida. Os compartimentos de objetos também são bem distribuídos e de bom tamanho. A pegada do volante também é boa e permite uma condução mais esportiva sem prejudicar o manejo da direção em sequência de curvas rápidas. A suspensão traseira independente ajuda no equilíbrio.

Chevrolet Equinox RS 1.5 Turbo
Chevrolet Equinox RS 1.5 Turbo
Foto: Sergio Quintanilha / Guia do Carro

Em relação ao Jeep Compass, líder disparado da categoria C-SUV (utilitário esportivo médio), o Chevrolet Equinox é bem mais próximo do chão. Seu vão livre do solo é de apenas 160 mm, contra 202 mm do Compass. Portanto, sua proposta é muito mais estradeira do que a do Compass. Em terrenos muito irregulares, o Equinox está mais sujeito a raspar a dianteira no chão, mas isso não ocorreu durante nossa utilização de uma semana, embora ele tenha ângulos de entrada, central e de saída ruins para um SUV.

Apesar de ser menos potente do que o Compass 1.3 turbo, o Equinox 1.5 turbo é ligeiramente mais rápido (9,2 contra 9,4 segundos para acelerar de 0 a 100 km/h). O Chevrolet tem 172 cv (só a gasolina) contra 180/185 cv do Jeep (gasolina/etanol). Mas o Equinox tem um tantinho a mais de torque (272 contra 270 Nm). O SUV da GM também tem um porte um pouco maior do que o da Stellantis.

Chevrolet Equinox RS 1.5 Turbo
Chevrolet Equinox RS 1.5 Turbo
Foto: Sergio Quintanilha / Guia do Carro

A Chevrolet, entretanto, não fez o Equinox pensando no cliente da Jeep. Ela fez o Equinox pensando na sua própria clientela, que prefere um automóvel mais macio no rodar e sem muitas concessões quanto ao espaço. Por isso, o Equinox tem um entre-eixos generoso (2,725 m) e uma capacidade de bagagem superior, com 468 litros no porta-malas. Agradou em cheio, mas o carro não vende muito por ser importado.

Chevrolet Equinox RS 1.5 Turbo
Chevrolet Equinox RS 1.5 Turbo
Foto: Sergio Quintanilha / Guia do Carro

Sentimos falta, como sempre, da borboleta no volante para trocas de marchas manuais. Porém, segundo a GM, essa é uma questão que não incomoda seus clientes. Mesmo sem antecipação das trocas de marcha, o câmbio automático de 6 velocidades mostra um bom acerto para proporcionar um equilíbrio entre desempenho veloz e consumo de combustível aceitável. Faz 9,3 km /l de gasolina na cidade e 11,5 na estrada. Está longe de ser uma referência em economia.

Chevrolet Equinox RS 1.5 Turbo
Chevrolet Equinox RS 1.5 Turbo
Foto: Sergio Quintanilha / Guia do Carro

Produzido no Canadá e no México, o Equinox 2023 ganhou uma nova grade dianteira cromada, que divide os faróis de led. Todo o conjunto ótico dianteiro e traseiro foi modificado, assim como os para-choques frontal e traseiro. As rodas são de 19” e todos os detalhes visuais do carro são pretos ou escurecidos, pois esta é uma característica da linha RS da Chevrolet.

A central multimídia MyLink passa a oferecer suporte aos aplicativos Spotify e Alexa, além da conectividade sem fio para Android e Apple, aplicativo My Chevrolet e atualização remota (OTA). Nos itens de segurança o novo Chevrolet Equinox 2023 passa a trazer de série assistente de manutenção em faixa, alerta de colisão frontal com frenagem automática de emergência, detector de pedestres, além de alertas de ponto cego e de tráfego traseiro. 

Chevrolet Equinox RS 1.5 Turbo
Chevrolet Equinox RS 1.5 Turbo
Foto: Sergio Quintanilha / Guia do Carro
GUIA DO CARRO / CHEVROLET EQUINOX RS
ITEMCONCEITONOTA
MOTORMuito bom7,5
CÂMBIOMuito bom7
SUSPENSÃO E FREIOSÓtimo9
SEGURANÇAÓtimo9
EQUIPAMENTOSMuito bom8,5
ERGONOMIAÓtimo10
MULTIMÍDIAÓtimo10
PORTA-MALASMuito bom7
ACABAMENTOMuito bom8,5
DESIGNBom6,5
VEREDICTOMuito bom8,3
Chevrolet Equinox RS 1.5 Turbo
Chevrolet Equinox RS 1.5 Turbo
Foto: Sergio Quintanilha / Guia do Carro

Os números
Preço: R$ 204.990
Motor: 1.5 turbo a gasolina
Potência: 172 cv a 5.600 rpm
Torque: 272 Nm a 2.000 rpm
Câmbio: 6 marchas CVT
Tração: 4x2 (dianteira)
Comprimento: 4,652 m
Largura: 1,843 m
Altura: 1,697 m
Entre-eixos: 2,725 m
Vão livre: 160 mm
Ângulo de entrada: 14,8 graus
Ângulo de saída: 23,2 graus
Ângulo de rampa: 16,5 graus
Peso: 1.561 kg
Pneus: 235/50 R19
Porta-malas: 468 litros
Carga útil: 474 kg
Tanque: 56 litros
0-100 km/h: 9s2
Velocidade máxima: 199 km/h
Consumo cidade: 9,3 km/l
Consumo estrada: 11,5 km/l
Emissão de CO2: n/d

Chevrolet Equinox RS 1.5 Turbo
Chevrolet Equinox RS 1.5 Turbo
Foto: Sergio Quintanilha / Guia do Carro
Guia do Carro
Publicidade
Publicidade