PUBLICIDADE

Recurso de chamadas da Apple, Facetime poderá ser usado em Android e Windows na web

Até então, o Facetime estava disponível apenas para aparelhos iOS e o Mac

7 jun 2021 - 14h47
(atualizado às 14h50)
Compartilhar
Exibir comentários

A Apple anunciou nesta segunda-feira, 7, que será possível usar o Facetime no Android e no Windows pela web - até então, a ferramenta de chamadas da dona do iPhone estava disponível apenas para aparelhos iOS e o Mac. O anúncio foi feito durante a Worldwide Developer Conference, a WWDC, evento anual de desenvolvedores que acontece online pela segunda vez consecutiva por conta da pandemia de covid-19.

Com a mudança, o Facetime passa a ser uma alternativa ao Zoom e ao Google Meet. A Apple ainda não revelou a data de lançamento da função, mas é possível que o recurso seja liberado com a nova versão do iOS.

Apesar de o Apple Music estar disponível para Android desde 2016, o serviço é uma exceção dentro do ecossistema da Apple, cujas ferramentas costumam ser restritas aos dispositivos da marca. A mudança do Facetime parece um aceno da empresa para evitar processos antitruste, cada vez mais recorrentes e severos.

Além do uso na web, a Apple anunciou outras mudanças para o FaceTime nesta segunda. Entre as novidades, o aplicativo fica mais natural com a inserção de áudio especial (que permite sons direcionais), isolamento de voz em tempo real com o microfone (com sistema semelhante ao cancelamento de ruído, já visto nos últimos fones de ouvido da marca) e o modo retrato nos vídeos, com o foco da imagem no usuário e o fundo desfocado. Outro recurso é similar aos concorrentes Google Meet e Zoom, em que é possível gerar um link para acessar a sala de chamadas e marcar o evento no calendário.

Estadão
Compartilhar
TAGS
Publicidade
Seu Terra












Publicidade