PUBLICIDADE

Antigo vulcão pode abrigar maior reserva de lítio da Terra; saiba onde

Local pode superar até mesmo as reservas de lítio da Bolívia, com 23 milhões de toneladas métricas

Compartilhar
Exibir comentários
Vulcão na fronteira entre Nevada e Oregon (EUA) abriga de 20 a 40 milhões de toneladas métricas de lítio
Vulcão na fronteira entre Nevada e Oregon (EUA) abriga de 20 a 40 milhões de toneladas métricas de lítio
Foto: Tom Benson / Divulgação

Um grupo de geólogos norte-americanos pode ter descoberto em um vulcão o que poderia ser o maior reservatório de lítio do mundo.

• A descoberta está localizada dentro da vasta Caldeira McDermitt, uma gigantesca cratera vulcânica ao longo da fronteira entre Nevada e Oregon (EUA)

• O local revelou argilas que abrigam uma estimativa surpreendente de 20 a 40 milhões de toneladas métricas de lítio.

• Uma pesquisa descrevendo as descobertas foi publicada na revista Science Advances.

• Segundo a equipe, os achados desafiam até mesmo as reservas de lítio das salinas da Bolívia. Estas são historicamente consideradas as maiores do mundo, com cerca de 23 milhões de toneladas métricas.

O local

• A Caldeira McDermitt tem aproximadamente 45 quilômetros de comprimento e 35 quilômetros de largura. 

• Pesquisas anteriores sugeriram que ele se formou como parte da área de Yellowstone, o que levou à formação de uma sequência de caldeiras. Sua origem data de aproximadamente 19 milhões de anos atrás.

• Tom Benson, vice-presidente de exploração global da Lithium Americas e um dos autores do estudo, disse ao Daily Mail que começou a estudar a área em 2012.

• “Logo comecei a perceber que o lítio era o gigante, ocorrendo em toda a caldeira, desde o extremo norte em Oregon até o extremo sul em Nevada”, acrescentou.

• De acordo com os pesquisadores, a região sul da Caldeira McDermitt, especificamente em Thacker Pass, Nevada, abriga concentrações de lítio muito altas.

• Essas reservas equivaleriam a aproximadamente 1% do peso da cratera e também a mais que o dobro das reservas de lítio em argilas conhecidas em escala global. 

• No caso do local, este é um exemplo de recurso de lítio vulcânico sedimentar, com sua última erupção ocorrendo há 16 milhões de anos. 

• Dessa forma, quando ocorreu a erupção, os minerais subterrâneos foram empurrados para a superfície, resultando em depósitos de argila rica em lítio, dizem os cientistas.

• Além disso, as falhas e fraturas geradas pela erupção proporcionaram um meio para o lítio emergir até a superfície da cratera.

Vulcão: o que causa erupções como a do México? Vulcão: o que causa erupções como a do México?

Exploração 

• Nas últimas décadas, o lítio tornou-se um metal macio altamente valorizado, principalmente devido ao seu uso em uma ampla variedade de tipos de baterias.

• Como o seu valor continua a aumentar, cientistas que trabalham para empresas mineiras como a Lithium Americas Corporation têm procurado novas fontes.

• Mesmo que essa estimativa possa ser ajustada devido a variações na espessura dos sedimentos e no teor de lítio, o potencial da Caldeira McDermitt representa um marco significativo na busca por recursos estratégicos e sustentáveis em um mundo cada vez mais dependente da energia elétrica e baterias de íons de lítio. 

Fonte: Redação Byte
Compartilhar
TAGS
Publicidade
Seu Terra












Publicidade