Monte seu e-commerce e divulgue sua marca no Terra

'Nós fazemos música pensando nas redes sociais, sim', admite Davi Kneip, voz do hit 'Sentadona'

DJ, produtor e cantor mineiro fala sobre o projeto, em parceria com Luísa Sonza, Mc Frog e Gabriel do Borel, que estourou no ambiente digital e rodas de coreografia em todo o País

6 jul 2022 - 06h10
Compartilhar

Quem navega por redes sociais como TikTok e Instagram já deve ter se deparado com algum trecho da música e coreografia do hit Sentadona. O ritmo contagiante do funk que conta com participação de Davi Kneip, Luísa Sonza, Mc Frog e Gabriel do Borel tem figurado nas paradas de músicas nacionais e feito sucesso entre os jovens brasileiros, que não cansam de usar a música nas trends e viralizar nos challenges.

A versão da música em parceria com a cantora gaúcha soma hoje mais de 94 milhões de visualizações no YouTube e outros 28 milhões de acessos no vídeo da versão original. O hit tem indicações no MTV Miaw 2022, prêmio que celebra o melhor da cultura pop brasileira, nas categorias de Coreografia Envolvente e Hino do Ano, concorrendo com nomes de peso e conhecidos de longa data do público como Anitta, Zé Felipe e Ludmilla.

Publicidade

Segundo Davi Kneip, DJ, produtor e cantor mineiro, que é uma das vozes da música, a produção da versão original do hit foi completamente espontânea. O desenvolvimento da letra e do clipe foram feitos em um único dia dentro de poucas horas. "As vozes de Sentadona foram gravadas no gravador de um celular e produzidas em um computador que não tinha estrutura ou caixa de som para produzir uma música de porte como essa. Essa foi a música que eu menos investi na minha vida", relembra o cantor e produtor.

Até fazer sucesso em nível nacional, Davi percorreu um longo caminho, mas sempre esteve cercado por figuras da indústria musical e do entretenimento brasileiro. As perspetivas daqui para frente é que consiga participar de projetos cada vez maiores e reconhecidos pelo público. O lançamento mais recente do jovem de 23 anos é Olha o Zoom, que é uma parceria com Nando DK e DJ Alex BNH e conta com produção do Kondzilla. "Quando me mostraram a música, eu gostei muito da batida. É um projeto que eu acredito muito e pode gerar engajamento nas redes sociais", afirma.

Publicidade

Sucesso nas redes sociais

Davi faz parte de uma geração que sabe aproveitar as redes sociais para potencializar as dimensões e o alcance dos trabalhos que desenvolve. Com 3,1 milhões de seguidores no Instagram e 4,6 milhões no TikTok, o DJ faz sucesso nas plataformas digitais mostrando os "passinhos" e trechos das coreografias de seus hits.

A versão do videoclipe de Sentadona em parceria com Sonza estourou nas redes sociais com crianças, jovens e adultos se rendendo às coreografias encenadas no vídeo. Davi, no entanto, alerta sobre a necessidade de que os jovens artistas e influenciadores digitais usem esses canais com consciência e que possam influenciar de forma positiva o público que consome esses conteúdos. Ao mesmo tempo, reconhece as mudanças na mentalidade da indústria musical e como artistas podem se beneficiar desse cenário. "Nós fazemos música pensando nas redes sociais, sim. Mas, eu acho que todo artista, hoje em dia, foca em fazer uma música que possa gerar interação nesses canais. Mas se a gente fizer músicas só pensando nisso, podemos nos privar como artistas."

Foram as mídias sociais também que acabaram influenciando positivamente o aumento da presença do funk no cotidiano dos brasileiros. Hoje, é raro ir a uma festa e não escutar músicas do gênero com batida acelerada e contagiante. Mais raro ainda é não ver rodas de jovens dançando de forma sincronizada ao som de Sentadona, Dançaria, Desenrola Bate Joga de Ladin e tantos outros hits, de artistas de renome como Anitta, Pedro Sampaio e Gloria Groove.

Publicidade
Fique por dentro das principais notícias de Entretenimento
Ativar notificações