PUBLICIDADE

Vamos falar dos benefícios da polêmica uva-passa?

Agora é hora de deixar os embates coléricos de lado e falar do que esta pequena fruta é capaz de fazer pelo seu organismo

16 jun 2024 - 21h42
(atualizado em 18/6/2024 às 01h07)
Compartilhar
Exibir comentários
Polêmicas à parte, são muitos os benefícios da uva
Polêmicas à parte, são muitos os benefícios da uva
Foto: passa - Canva / Bons Fluidos

Para muitos, ela é a vilã da Ceia de Natal. É protagonista de debates acalorados quanto à presença ou não no arroz! Não são poucos os que torcem o nariz. Porém, vamos deixar os embates coléricos de lado e falar dos benefícios desta pequena fruta: a uva-passa.

Benefícios da uva-passa

Para quem quer manter uma alimentação balanceada, ela é fundamental! Quem pratica esportes pode começar a repensar qualquer tipo de aversão: De acordo com publicações de autoridades em saúde como o Medical News Today, elas são altamente energéticas, ideais para combater a fadiga de maneira natural.  Além disso, este pequenino, porém poderoso, fruto seco é abundante em fibras, vitaminas e minerais, o que o torna um excelente complemento para qualquer dieta.

Como são produzidas?

Originárias de diferentes tipos de uvas, as passas são produzidas através de um cuidadoso processo de secagem. Esse método não só conserva, mas também concentra os açúcares naturais das uvas, aumentando seu valor energético e preservando seus nutrientes essenciais.

Principais benefícios

  • Energia concentrada: Ideais para momentos em que é necessário um boost de energia.
  • Ricas em minerais: Fonte de ferro, cobre, magnésio e potássio, essenciais para a saúde cardiovascular e equilíbrio da acidez estomacal.
  • Benefícios para a pele: Contêm antioxidantes e vitaminas que podem ajudar na manutenção da saúde cutânea.

Cuidados no consumo

Por fim, uma ressalva: Apesar de seus múltiplos benefícios, a uva-passa deve ser consumida com moderação. Enquanto 100g de uvas têm em torno de 70 kcal, o mesmo peso em uvas-passas chega a 300 kcal.

Pessoas em dietas hipocalóricas ou que têm diabetes devem consultar um especialista antes de integrar este alimento de forma regular em sua rotina. Além disso, a literatura científica sugere que uma ingestão diária de cerca de 80 a 90 gramas pode ser benéfica, contanto que haja acompanhamento profissional.

Em suma, incorporar um punhado de passas como lanche entre as refeições pode ser uma alternativa saudável aos snacks industrializados. No entanto, é essencial priorizar o consumo consciente e assim aproveitar todos os benefícios que esse pequeno fruto pode oferecer à sua saúde.

Bons Fluidos
Compartilhar
Publicidade
Seu Terra












Publicidade