0

São Paulo

Museu mais antigo de São Paulo abre as portas para empresas

  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

A curadora se apresenta e, poucos minutos depois, inicia o tour pela Pinacoteca do Estado de São Paulo. Executivos nacionais e internacionais acompanham os passos da guia e ouvem atentamente suas explicações sobre obras de artistas como Tarcila do Amaral, Almeida Junior, Cândido Portinari e Di Cavalcanti. Em seguida, o grupo se reúne no pátio do museu e aprecia um coquetel – ou talvez um jantar sofisticado. Assim empresas têm se reunido com seus clientes, à procura de ambientes descontraídos – e, por que não, culturais? –, para fechar negócios.

Jantar no pátio da Pinacoteca: o tour custa R$ 3500 e trata-se de um passeio realizado a portas fechadas
Jantar no pátio da Pinacoteca: o tour custa R$ 3500 e trata-se de um passeio realizado a portas fechadas
Foto: Pinacoteca do Estado de São Paulo

O programa custa R$ 3500 e trata-se de um tour realizado a portas fechadas a partir das 18h. É como ter um museu inteiro à disposição, sem se preocupar com filas ou aglomerações. Às quintas-feiras, o Café da Pinacoteca, localizado no jardim, fica aberto até as 22h – serve saborosos drinks e cafés gourmets. Ótima pedida para pequenos grupos.

O pátio coberto, de 220 m², comporta até 30 pessoas para um coquetel e 120 para um jantar. O aluguel do espaço por uma noite sai por R$ 30 mil e não inclui a comida – além de propor roteiros, a Pinacoteca também sugere ao cliente empresas que oferecem o serviço de buffet e jantar. Para eventos maiores, a instituição conta com auditório para 140 pessoas, equipado com datashow, computador, DVD, VHS, microfone e caixa de som. O estacionamento é gratuito.

Rferência em arte brasileira

Fundada em 1905 pelo governo do estado de São Paulo, a Pinacoteca é o museu de arte mais antigo da capital e hoje reúne um dos mais importantes acervos de obras de pintores e escultores brasileiros no país. O edifício de tijolos aparentes foi projetado no fim do século 19 pelo escritório do arquiteto Ramos de Azevedo para abrigar o Liceu de Artes e Ofícios. Na década de 1990, foi reformado pelo arquiteto Paulo Mendes da Rocha, em um projeto de revitalização que se tornou referência internacional.

O acervo original da instituição foi formado com a transferência de 26 obras do Museu do Estado (atual Museu Paulista da Universidade de São Paulo, mais conhecido como Museu do Ipiranga), e hoje conta com cerca de nove mil itens. Telas como “Caipira Picando Fumo”, de Almeida Jr., “Cozinha na Roça”, de Pedro Alexandrino, e “Mestiço”, de Cândido Portinari, estão entre os destaques da coleção.

Em 2011, a Pinacoteca inaugurou uma nova mostra sobre a história da arte no Brasil. São mais de 500 obras do período colonial até o início da década de 1930. Ótima oportunidade para ver de perto o trabalho de Di Cavalcante, Anita Malfatti, Tarsila do Amaral, Pedro Alexandrino e Almeida Junior, entre outros.

 

Serviço

Pinacoteca do Estado de São Paulo

Praça da Luz, 02, Luz                                                                                                                                                                                                          11 3324.1000
Terça a domingo, das 10h às 17h30 com permanência até as 18h
Quintas-feiras até as 22h. Entrada franca das 18h às 22h
Ingresso combinado (Pinacoteca e Estação Pinacoteca): R$ 6,00 e R$ 3,00 
Grátis aos sábados

 

 

Veja também:

Como fazer rabo de galo, o verdadeiro coquetel brasileiro
Fonte: PrimaPagina Fonte: Terra
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade