Jornal lista 10 países onde bebida alcoólica é proibida

31 mai 2013
09h36
atualizado às 09h36
  • separator
  • 0
  • comentários

O prazer de parar para descansar bebendo uma cerveja ou drinque pode ser um problema ao viajar para certos lugares, onde bebidas alcoólicas são proibidas. Quer saber quais são estes destinos? Confira a lista, feita pelo Telegraph, com países onde beber pode causar problemas com a lei:

1. Estados Unidos
A famosa “Lei Seca” que proibiu a venda de bebidas alcoólicas nos Estados Unidos entre as décadas de 20 e 30 acabou há mais de 30 anos. No entanto, ainda existem diversas cidades onde consumo e venda de álcool são punidos por lei. Cerca de metade das cidades do Mississippi, 83 cidades no Alasca, quatro na Flórida e outras em estados como Texas, Arkansas, Alabama e Kentucky aplicam a proibição.

2. Índia
Diversos estados da Índia possuem leis para prevenir venda e consumo de álcool. Em Gujarat, no leste do país, turistas devem comprar uma autorização para comprar bebidas alcoólicas, oferecida nos hotéis e no aeroporto de Ahmedabad, principal cidade do estado. O álcool encontra-se totalmente banido nas ilhas Lakshasweep e nos estados de Manipur, Mizoram e Nagaland, no norte do país.

3. Emirados Árabes Unidos
Desde que cidades como Abu Dhabi e Dubai se desenvolveram como pontos turísticos, turistas do mundo inteiro passam pelos Emirados Árabes Unidos em busca de diversão. Nos lugares mais turísticos, estrangeiros podem consumir bebidas alcoólicas em bares e hotéis e comprá-las em alguns supermercados, desde que não as consumam em público. Já em emirados como Sharjah, bebidas alcoólicas são totalmente proibidas.

4. Brunei
Situado na ilha de Bornéu, o pequeno estado de Brunei proíbe a venda de bebidas alcoólicas em seu território. No entanto, estrangeiros não-muçulmanos podem entrar com até dois litros de destilados ou 12 latas de cerveja a cada 48 horas, mas devem obter uma autorização para beber.

5. Bangladesh
Pequeno estado da Ásia rodeado pela Índia e por Myanmar, Bangladesh reprime de maneira estrita a venda de álcool em seu território. Apenas alguns bares, restaurantes e hotéis servem drinques alcoólicos a seus visitantes estrangeiros.

<p>No Paquistão, turistas não-muçulmanos podem beber legalmente</p>
No Paquistão, turistas não-muçulmanos podem beber legalmente
Foto: Getty Images
6. Paquistão
Visitantes estrangeiros não-muçulmanos podem encontrar bebidas alcoólicas legalmente em hotéis quatro e cinco estrelas nas principais cidades, como a capital Islamabad. No entanto, no país, existe um perigoso mercado negro de bebidas destiladas de maneira artesanal, que já foram apontadas como responsáveis de centenas de mortes.

7. Irã
O Irã é um dos países mais severos do mundo na repressão às bebidas alcoólicas, chegando a condenar à pena de morte pessoas que forem pegas bebendo repetidamente. Visitantes não-muçulmanos podem entrar ao país com bebidas, sempre e quando estas forem consumidas em eventos particulares.

8. Líbia
Na Líbia, o álcool só pode ser comprado no mercado negro, muito perigoso pela péssima qualidade das bebidas. As penas para quem for pego comercializando ou consumindo álcool, no entanto, são duras.

9. Iêmen
Como em muitos países muçulmanos, bebidas alcoólicas podem ser encontradas em alguns hotéis do Iêmen. Turistas não-muçulmanos podem entrar com álcool, sempre e quando estes não forem consumidas em público.

10. Kuwait
No Kuwait, consumo e venda de bebidas alcoólicas são estritamente proibidos. Elas são encontradas apenas em algumas embaixadas, que as servem em seus eventos sociais.

Fonte: Andrés Bruzzone Comunicação Andrés Bruzzone Comunicação
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade